sicnot

Perfil

Desporto

Rivaldo desaconselha estrangeiros a ir aos Jogos Olímpicos

O antigo internacional de futebol e campeão do Mundo brasileiro Rivaldo desaconselhou hoje os estrangeiros a visitar o Brasil nos Jogos Olímpicos Rio2016, considerando que se o fizerem correm "risco de vida".

© Reuters Photographer / Reuter

"Está cada vez pior. Aconselho a todos os que pretendem visitar o Brasil para ver os Jogos Olímpicos a ficarem nos seus países. Aqui arriscam a vida", alertou o antigo Bola de Ouro (1999) no seu Instagram, postando uma foto de uma jovem estudante de 17 anos assassinada com um tiro durante um arrastão no Rio de Janeiro

Rivaldo, campeão do Mundo pelo Brasil em 2002 e agora com 44 anos, falou ainda dos "hospitais públicos que estão ao abando e de toda a confusão na política brasileira".

"Só Deus para mudar a situação do nosso Brasil", completou Rivaldo, que vive atualmente com a família nos Estados Unidos, onde abriu algumas escolas de futebol para crianças.

O Rio de Janeiro vai albergar de 05 a 21 de agosto os primeiros Jogos Olímpicos na América do Sul, tendo as autoridades revelado a mobilização de 80.000 elementos de forças de segurança para combater a violência, endémica na cidade.

O Brasil está igualmente mergulhado em recessão económica e numa crise profunda, com a presidente Dilma Rousseff a enfrentar um processo de destituição.

Lusa

  • Cinco anos depois do incêndio na Serra do Caldeirão
    5:24
  • Destaques económicos que marcaram a semana
    2:03

    Economia

    A semana ficou marcada pela tragédia provocada pelos incêndios no centro do país. No entanto importa olhar para o que se passou noutras áreas e fazer um resumo das notícias relacionadas com a economia. 

  • Martin Schulz ataca Merkel a três meses das legislativas

    Mundo

    O social-democrata alemão Martin Schulz passou este domingo à ofensiva, a três meses das eleições legislativas, ao acusar Angela Merkel de "arrogância" e de sabotar a "democracia", quando as sondagens apontam para uma larga vantagem da chanceler da Alemanha.

  • Martha, a cadela mais feia do mundo
    0:42

    Mundo

    A cadela Martha, de raça mastim napolitano ficou em primeiro lugar na edição anual do concurso que elege os cães mais feios do mundo. A cadela tem três anos, pesa 57 quilos e foi resgatada pela dona quando estava praticamente cega. Acabou por recuperar a visão depois de várias operações. Martha e a dona receberam um prémio de 1.500 dólares e uma viagem a Nova Iorque para marcarem presença em programas de televisão.