sicnot

Perfil

Desporto

Norwich e Newcastle despromovidos no campeonato inglês

O Sunderland bateu hoje o Everton, por 3-0, um resultado que garantiu a permanência dos 'black cats' e confirmou a despromoção de Newcastle e Norwich, em jogo em atraso da 30.ª jornada do campeonato inglês de futebol.

© Reuters Staff / Reuters

Sem jogar, o Newcastle despediu-se do principal escalão enquanto ao Norwich de nada valeu o triunfo caseiro sobre o Watford, por 4-2, em jogo da 35.ª ronda.

Os dois emblemas juntam-se ao Aston Villa, que estava despromovido, e completam a lista de três equipas que descem esta temporada ao Championship.

Num duelo que também estava em atraso da 30.ª jornada, o Liverpool empatou (1-1) com o Chelsea e precisa de uma derrota do West Ham na última ronda para poder ter hipóteses de alcançar os lugares de acesso às competições europeias.

Contudo, os 'reds' ainda podem garantir a qualificação para a Liga dos Campeões, mas para isso necessitam de vencer a Liga Europa. Na final, a formação do alemão Jurgen Klopp vai defrontar o Sevilha.

A atuar no 'seu' Estádio da Luz, o Sunderland alcançou uma preciosa vitória sobre o Everton, com destaque para um 'bis' de Lamine Kone. O avançado marfinense 'faturou' aos 42 e 55 minutos, depois do holandês Patrick van Aanholt ter aberto o marcador, aos 38.

O Sunderland manteve o 17.º posto da Premier League, o primeiro acima da zona de despromoção, com 38 pontos, mas já não pode ser alcançado por Newcastle e Norwich, que têm 34.

Com Ivo Pinto a titular, os 'canaries' cumpriram a sua obrigação, que era vencer o Watford, um triunfo que acabou por ter um sabor 'amargo'. O congolês Mbokani foi a figura da partida, ao assinar dois golos para a formação da casa.

Em Anfield Road, o belga Benteke saltou do banco e 'salvou' o Liverpool da derrota com golo aos 90+2 minutos, depois do seu compatriota Hazard ter dado vantagem ao Chelsea, aos 32, com um excelente lance individual.

A 38.ª e última jornada da Premier League está agendada para domingo, com todos os jogos a terem início agendado para as 15:00.

Lusa

  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Itália tenta colocar migrações na agenda do G7 contra vontade dos EUA
    1:45
  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.