sicnot

Perfil

Desporto

PSP alerta Câmara de Lisboa para perigo dos festejos do título no Marquês de Pombal

PSP alerta Câmara de Lisboa para perigo dos festejos do título no Marquês de Pombal

Com a festa do campeonato à porta, a PSP já entrou em conversações com a Câmara de Lisboa para evitar que se repitam os conflitos do ano passado no Marquês de Pombal. O comando de Lisboa está preocupado com as várias obras que decorrem no centro da cidade e, já alertou a autarquia para o perigo de arremessos de pedras durante os festejos. A operação da PSP vai contar com todas as forças no terreno, com corpo de intervenção e agentes à paisana.

  • Câmara de Lisboa garante segurança para celebrar título no Marquês
    1:45

    Desporto

    A Câmara de Lisboa garante que estão reunidas todas as condições de segurança para os festejos do título no Marquês de Pombal. A zona está a sofrer várias obras, sendo que a diretora para a Mobilidade da autarquia, Fátima Madureira, assegura que no local, no próximo domingo, serão retirados todos os objetos ou pedras soltas que possam ser arremessados, de modo a evitar assim um cenário de confrontos, tal como aconteceu no ano passado.

  • Porque é que Melania e Ivanka vestiram preto para conhecer o Papa

    Mundo

    Melania e Ivanka chegaram ao Vaticano de preto, uma escolha muito questionada. De vestidos longos e véus, as mulheres Trump seguiram assim o dress code aconselhado nas audiências com o Papa. Também Michelle Obama usou uma vestimenta do género, em 2009, quando visitou Bento XVI.

  • Escola de Vagos castiga alunos por protesto contra a homofobia e preconceito

    País

    Os alunos da Escola Secundária de Vagos, no distrito de Aveiro, organizaram um protesto contra o que consideram homofobia e preconceito. Segunda-feira, depois de duas alunas se terem beijado foram chamadas à direção da escola, que as terá informado que não podiam beijar-se em público. O protesto foi gravado e partilhado nas redes sociais. Em declarações à SIC Notícias, um dos alunos disse que todos os envolvidos no protesto vão ser alvos de um processo disciplinar. O Bloco de Esquerda já pediu esclarecimentos ao Ministério da Educação.

    EXCLUSIVO

    Rita Pedras