sicnot

Perfil

Desporto

Secretário de Estado do Desporto espera festejos de campeão da I Liga dignos e pacíficos

O secretário de Estado da Juventude e Desporto, João Paulo Rebelo, desejou hoje que os festejos de campeão da I Liga de futebol, que será conhecido no domingo, "sejam recordados pela forma digna e pacífica".

Em comunicado, João Paulo Rebelo, que acompanhará "de perto" o desenrolar da 34.ª e última jornada da I Liga, "faz assim votos para que os festejos das conquistas alcançadas sejam recordados pela forma digna e pacífica", lembrando que Portugal é "um país reconhecido pela qualidade do seu futebol e pela civilidade dos seus adeptos".

No domingo, Benfica, que lidera o campeonato, com 85 pontos, e Sporting, a dois pontos dos 'encarnados', definem quem se sagra campeão da época 2015/2016. A partir das 17:00, as 'águias' recebem no estádio da Luz o Nacional, enquanto os 'leões' jogam no recinto do Sporting de Braga.

"No escrupuloso cumprimento das regras do jogo e do fair play desportivo, contamos assistir a momentos inesquecíveis, bem como à festa e à celebração das virtudes do desporto, dentro e fora do campo", frisou o secretário de Estado.

Lusa

  • Rúben Lima nega crimes de corrupção no processo Cashball
    6:04

    Desporto

    Rúben Lima, um dos oito jogadores suspeitos de terem sido aliciados por intermediários ao serviço do Sporting para beneficiar o clube de Alvalade, nega todos os crimes investigados pela Polícia Judiciária. Numa entrevista exclusiva à SIC, o jogador do Moreirense garante que não conhece nenhum dos quatro arguidos detidos no âmbito do processo Cashball.

    Exclusivo SIC

  • Partido Podemos com votação inédita em Espanha
    1:32

    Mundo

    Há uma votação inédita em Espanha. O Podemos começou esta terça-feira a decidir a continuidade do líder do partido, depois de Pablo Iglesias e a companheira terem comprado uma casa de 600 mil euros.

  • 14 sacerdotes suspensos por abusos sexuais no Chile

    Mundo

    A diocese da cidade chilena de Rancagua anunciou na terça-feira a suspensão de 14 sacerdotes implicados num novo escândalo de abusos sexuais sobre jovens e menores. Todos eles pertenciam a um grupo de se autointitulou de "La Familia", segundo a investigação jornalística.