sicnot

Perfil

Desporto

Daniela Cardoso terceira nos 10.000 m marcha do Campeonato Ibero-Americano

Daniela Cardoso classificou-se no domingo no terceiro lugar nos 10.000 metros marcha do Campeonato Ibero-Americano, no Rio de Janeiro, com o tempo de 46.03,44 minutos, novo recorde pessoal.

© Ricardo Moraes / Reuters

A prova foi ganha pela brasileira Erica de Sena, com 45.01,32.

Já Marcos Chuva foi quarto quarto no salto em comprimento, com a marca de 7,64 (vento:-0,8 m/s), ficando a sete centímetros do pódio. Triunfou o uruguaio Emiliano Lara, com 8,01.

No heptatlo, Lecabela Quaresma concluiu a primeira jornada na sétima posição, com 3.383 pontos e os parciais de 13,94 segundos nos 100 m barreiras, 1,72 metros no salto em altura, 12,45 metros no lançamento do peso e 25,67 segundos nos 200 m.

Ponto negativo foi a desqualificação da estafeta de 4x100 m nas eliminatórias, que tiveram a presença de apenas nove equipas, das quais oito teriam lugar na final.

A terceira e última jornada realiza-se na segunda-feira. Além de Lecabela Quaresma, que terminará o heptatlo, estarão em ação Sara Moreira na final de 5.000 m, David Lima na de 200 m, Rasul Dabo nos 110 m barreiras e Paulo Conceição e Tiago Pereira na altura.

Lusa

  • Como não perder Barack e Michelle Obama nas redes sociais

    Mundo

    Sair da Casa Branca implica mais que reunir objetos físicos: é preciso guardar também os tweets, os posts e todo o conteúdo digital produzido nos últimos oito anos pelo Presidente dos EUA e pela primeira-dama. A equipa de Barack Obama já preparou tudo para que nada se perca do seu legado digital.

  • Portugueses querem contratar Obama

    Mundo

    Contratar Barack Obama. Pode parecer uma tarefa impossível, mas para a startup portuguesa Swonkie a única resposta a este desafio é "Yes We Can", mote da campanha presidencial de Obama de há nove anos.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.