sicnot

Perfil

Desporto

Fernando Gomes reeleito presidente da FPF até 2020

Fernando Gomes foi reeleito hoje presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), até 2020, na Assembleia Geral eleitoral do organismo, à qual concorreu sem oposição.

O dirigente da FPF recebeu 70 votos dos 76 delegados, de um total de 84 (92 por cento), que exerceram o direito de voto. A lista da Direção teve também seis votos em branco.

Líder da FPF desde 2011, Fernando Gomes apresentou-se ao ato eleitoral praticamente com a mesma equipa, exceção feita às presidências do Conselho de Arbitragem (CA), com José Fontelas Gomes no lugar de Vítor Pereira, e do Conselho de Disciplina (CD), com José Manuel Meirim em vez de Herculano Lima.

O CA recebeu 64 votos a favor, mais dez brancos e dois nulos, enquanto o CD mereceu 68 votos, sete brancos e um nulo.

José Luís Arnaut vai continuar a ser o presidente da Assembleia Geral, enquanto Ernesto Ferreira da Silva continua a liderar o Conselho Fiscal e Manuel dos Santos Serra o Conselho de Justiça.

A acompanhar Fernando Santos na Direção continuam também Carlos Coutada, Elísio Carneiro, Hermínio Loureiro, Humberto Coelho, João Vieira Pinto, Mónica Jorge, Pauleta, Pedro Dias e Rui Manhoso, sendo que o presidente da Liga de clubes, Pedro Proença, é vice-presidente por inerência.

A reunião magna decorreu na Cidade do Futebol, em Oeiras.

Os órgãos sociais eleitos vão ser empossados na terça-feira, a partir das 18:00.

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".