sicnot

Perfil

Desporto

FIFA suspende proibição imposta aos clubes de recorrerem a investidores

A FIFA suspendeu hoje a proibição que aplicou ao clube belga FC Seraing de contratar novos futebolistas nas próximas quatro janelas de transferências, por ter recorrido a investidores na aquisição de jogadores.

© Ruben Sprich / Reuters

O FC Seraing tinha contestado a decisão através de um recurso para o Tribunal Arbitral do Desporto (TAS), sedeado na Suíça.

Esta decisão da FIFA não decorreu de uma imposição do TAS e significa que os clubes podem voltar a recorrer à 'ferramenta' dos investidores em direitos económicos dos jogadores no mercado de transferências.

Muitos clubes, sobretudo de países mais pequenos, com menor capacidade financeira, alegam que o recurso a investidores permite ter equipas mais competitivas, reduzindo o 'fosso' que as separa das equipas dos clubes mais ricos, ao ter acesso a jogadores, através das receitas provenientes desses investidores, que não teriam capacidade, em condições normais, de contratar.

A proibição imposta pela FIFA foi levantada até que o TAS dê o seu veredito sobre o caso do clube belga FC Seraing, sendo expetável que venha a ser conhecido durante o verão.

O TAS já tinha tomado uma decisão favorável à Doyen Sports no caso Marco Rojo no litígio com o Sporting, rejeitando as alegações do clube português, que negociou o futebolista argentino para o Manchester United sem pagar a percentagem dos direitos económicos que aquele fundo de investimento detinha no respetivo passe.

O organismo máximo do futebol mundial tinha proibido a participação de investidores em direitos económicos dos jogadores a partir de 01 de maio de 2015, decidindo que os contratos assinados antes de 31 de dezembro de 2014 teriam a validade de sua duração e os acordos firmados entre 01 de janeiro e 30 de abril de 2015 só poderiam ter um ano de duração.

Na prática, a nova regra protegia os investimentos já feitos, restringia os acordos celebrados entre janeiro e abril e proibia esse tipo de negócio a partir de maio.

Lusa

  • Coutinho e Neymar salvam Brasil já na compensação

    Mundial 2018 / Brasil

    O Brasil venceu a Costa Rica por 2-0 numa partida a contar para a 2ª jornada do grupo E do Mundial da Rússia. Contas feitas, o Brasil sobe para o primeiro lugar do grupo, com 4 pontos, seguido da Sérvia com 3 pontos. A Suíça (1 ponto) e a Costa Rica (0 pontos) ocupam, assim, os últimos lugares da tabela.

  • O choro intenso de Neymar explicado pelo próprio
    0:51
  • Moutinho e Raphael Guerreiro de "baixa", Fonte disponível "para tocar bombo"
    1:52
  • Mulher morre após ser mandada para casa pelo Centro Hospitalar do Oeste
    2:23

    País

    Uma mulher morreu depois de ter tido alta no Centro Hospitalar do Oeste. Há fortes suspeitas que tenha sido vítima de um diagnóstico mal feito por uma empresa de telemedicina. O Bastonário da Ordem dos Médicos quer avaliar todos os contratos do Estado com serviços de telemedicina e impedir que as empresas e os hospitais fujam às responsabilidades. Até agora ninguém foi responsabilizado, a família apresentou várias queixas e Entidade Reguladora da Saúde abriu um inquérito.

  • Antigo campeão nacional de Ori-BTT, de 19 anos, morreu em colisão com carro
    1:42

    País

    Um ciclista de 19 anos morreu e o pai ficou gravemente ferido, numa colisão com uma viatura que fazia uma inversão de marcha, em Loulé, na quarta-feira. Quando o acidente aconteceu, o jovem estava a treinar para um campeonato na Hungria, onde ia participar dentro de poucos dias. Duarte Lourenço, que chegou a ser campeão nacional de Ori-BTT, pertencia ao escalão de Juniores, devido à sua idade, mas por vontade própria fazia escalão Sénior.