sicnot

Perfil

Desporto

Governo brasileiro sem dinheiro para fazer face às despesas dos Jogos Olímpicos

CORRESPONDENTE SIC

Governo brasileiro sem dinheiro para fazer face às despesas dos Jogos Olímpicos

A 49 dias da abertura dos Jogos Olímpicos, o governo brasileiro reconhece que não tem dinheiro para fazer face às despesas já assumidas. Devido à crise financeira, houve cortes que tiveram que ser feitos na organização. Agora, o Brasil deixa ao critério das entidades competentes a adopção de medidas necessárias para que haja os mínimos essenciais para realizar os jogos.

Há salários em atraso e obras ainda por concluir, nomeadamente os acessos aos equipamentos desportivos e a linha de metro. Há também compromissos de contratação de seguranças e outro pessoal que é necessário ter a postos durante os jogos. Este estado de calamidade é mais um revés na organização dos Jogos Olímpicos pelo Brasil, a juntar à instabilidade política, à crise financeira e ainda aos receios com o vírus Zika.

O Governo do Rio de Janeiro teme um total colapso na segurança e na saúde. No entanto, o decreto apresentado pode fazer com que seja desbloqueado mais dinheiro para que sejam asseguradas as despesas dos Jogos Olímpicos, como explica a correspondente da SIC no Rio de Janeiro, Ivani Flora.

  • 105 detidos pela PSP e GNR nas últimas 24 horas

    País

    Só a GNR deteve 64 pessoas em flagrante delito, entre a noite de sexta-feira e o início da manhã deste sábado, a maioria das quais (47) por condução sob o efeito do álcool. A PSP de Lisboa efetuou 41 detenções em 24 horas, dez por tráfico de droga.

  • Videoamador mostra grupo a atar tocha a um touro
    1:33
  • PJ investiga forma como o FC Porto obteve os e-mails
    1:58

    Desporto

    Enquanto o campeonato português de futebol está de férias do relvado, nos bastidores continua uma guerra aberta por causa dos e-mails. O FC Porto entregou à Polícia Judiciária toda a documentação disponível do chamado caso dos e-mails, que envolve o Benfica num alegado esquema de corrupção. O pedido foi feito pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ. A forma como o FC Porto obteve os e-mails também está a ser investigada pela Polícia Judiciária.

  • Manifestantes bloquearam Caracas

    Mundo

    Milhares de pessoas bloquearam esta sexta-feira as ruas de Caracas e de outras cidades, em protesto contra a repressão e o assassinato de manifestantes pelas forças de segurança.