sicnot

Perfil

Desporto

Participação de russos e quenianos no Rio 2016 será analisada individualmente

Os desportistas da Rússia e do Quénia deverão ser avaliados individualmente pelas federações internacionais para poderem ser elegíveis para participarem nos Jogos Olímpicos Rio2016, explicou hoje o presidente do Comité Olímpico Internacional (COI).

© Denis Balibouse / Reuters

Thomas Bach falava no final da Cimeira Olímpica, realizada em Lausana, durante a qual foi analisada a situação dos países cujos autoridades nacionais antidopagem não estão a cumprir as normas da Agência Mundial Antidopagem (AMA).

"De acordo com o relatório da AMA, que contém acusações substanciais à Rússia, a conclusão da cimeira é que a declaração de não cumprimento cria sérias dúvidas sobre a presunção de inocência dos desportistas desses países", afirmou Bach.

Segundo o presidente do COI, "cada atleta desses países terá de ser declarado elegível pelas federações internacionais, após uma avaliação individual, que terá em conta todas as evidências e circunstâncias".

A decisão abre a porta à participação de desportistas russos nas competições olímpicas de atletismo, caso a Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF), que proibiu os atletas russos de participarem nos Jogos Rio2016, dê a sua autorização.

O presidente da IAAF referiu que a cimeira manifestou por unanimidade "respeito total e apoio à decisão da IAAF" de manter, de uma forma geral, a proibição dos praticantes de atletismo de participarem nos Jogos Olímpicos Rio2016, que decorrem entre 05 e 21 de agosto.

A Rússia, segunda potência mundial do atletismo, atrás dos Estados Unidos, foi suspensa em novembro de 2015 após um 'demolidor' relatório independente da AMA, no qual se denunciava um esquema de doping institucionalizado na Rússia.

Lusa

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.