sicnot

Perfil

Desporto

Putin endurece punições por corrupção no desporto

O Presidente russo, Vladimir Putin, promulgou hoje uma lei que endurece as punições por corrupção no desporto para alterar os resultados das competições, incluindo subornos, depois de vários escândalos de dopagem.

© RIA Novosti / Reuters

Os subornos superiores a um milhão de rublos (cerca de 15.600 dólares) vão ser castigados, a partir de agora, com penas de prisão de oito a 15 anos. O suborno em competições vai ser castigado com penas de prisão até cinco anos.

As autoridades russas abriram um processo criminal por abuso de poder contra funcionários que dirigiram, entre 2009 e 2013, a Federação Russa de Atletismo (FRA), suspendida por escândalos de dopagem pela Federação Internacional de Atletismo (IAAF).

O Presidente da FRA entre 2009 e 2013 era Valetín Balájnichev - à época tesoureiro da IAAF -- e foi acusado juntamente com outros altos funcionários de aceitar subornos para encobrir o atletismo russo.

A IAAF suspendeu a FRA depois de uma comissão independente da Agência Mundial Antidopagem (AMA) ter recomendado em novembro de 2015 excluir a Federação Russa de todas as competições internacionais, incluindo os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

A primeira entidade a acusar a Rússia de dopagem foi o canal de televisão pública alemão ARD que, num documentário emitido em 2014, expôs um obscuro sistema de dopagem encoberto pelo estado russo.

Uma comissão independente da AMA confirmou que a Rússia não cumpria com os protocolos estabelecidos pelo código mundial de antidopagem e que o governo de Moscovo faz parte de um enredo de corrupção e de encobrimento para que atletas de elite russos utilizem substâncias ilícitas proibidas em competências internacionais.

Lusa

  • Autarca e duas jornalistas mortas a tiro na Finlândia 

    Mundo

    A presidente da Câmara de Imatra, na Finlândia, e duas jornalistas foram mortas a tiro na noite passada, na pequena cidade do sudeste do país. O incidente aconteceu junto a um restaurante e a polícia chegou ao local pouco depois dos disparos. Um suspeito de 23 anos já foi detido.

    Em desenvolvimento

  • Avião da Qatar Airways aterra de emergência nas Lages
    0:47

    País

    Aterrou de emergência nos Açores, esta manhã, um avião da Qatar Airways. A turbulência obrigou à manobra que causou pelo menos 10 feridos nos passageiro do avião que fazia ligação de Washington para Doha, capital do Qatar, e foi desviado para a base aérea das Lajes. Os passageiros desembarcaram, como registou no Twiiter um jornalista da Al-Jazzera que seguia a bordo. Segundo este depoimento, uma pessoa foi levada para o hospital com problemas cardíacos.

  • Passos elogia escolha de Paulo Macedo mas diz que não é suficiente
    1:47

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho diz que Paulo Macedo é competente para liderar os destinos da Caixa Geral de Depósitos, mas que a nomeação do antigo ministro não é suficiente para passar uma esponja sobre o assunto. Em Viseu, o líder do PSD não quis ainda avançar com um nome para a Câmara de Lisboa, depois de Santana Lopes afastar a hipótese de se candidatar.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.