sicnot

Perfil

Desporto

Empresa de Braga cria plataforma para encontrar novo Messi e Ronaldo

A plataforma Talent Spy, criada por uma empresa de Braga, servirá para ajudar os clubes de futebol a encontrar novos talentos que possam andar perdidos pelo mundo.

© Albert Gea / Reuters

A F3M, uma empresa tecnológica sediada em Braga, constituída por ex-alunos da Universidade do Minho, criou uma plataforma para ajudar os clubes de futebol a encontrar os futuros Messi e Ronaldo, que poderão estar, segundo a empresa, em qualquer parte do mundo.

Em comunicado, a Universidade do Minho acrescenta que a plataforma Talent Spy contém informações de 100 mil jogadores e 6 mil equipas, ligados a 250 competições de 50 países como o Qatar, a Argentina, os Estados Unidos, a China, o Brasil e a África do Sul.

O comunicado sublinha que se trata do "melhor software de gestão" do mundo para descobrir futuros craques de futebol.

O Talent Spy nasceu em 2013, numa altura em que a F3M decidiu apostar em áreas facilmente exportáveis como a saúde, o turismo e o desporto.

"O projeto surgiu, numa primeira fase, para colmatar as necessidades de clubes e agências sem estruturas de observação, auxiliando-os na procura de novos Cristianos Ronaldos ou Messis", afirmou à Lusa Pedro Vital, um dos mentores da plataforma.

Com esta nova tecnologia, os scouts conseguem saber "quase tudo" sobre um jogador a residir em qualquer ponto do planeta. Têm acesso a informações como o perfil, o historial clínico, a condição psicossociológica, a situação contratual até a performance num determinado jogo ou treino.

"Este é o primeiro software que junta dados estatísticos e informação qualitativa produzida em exclusivo por especialistas de várias áreas espalhados pelos vários continentes", sublinha o comunicado da Universidade do Minho.

Entre os principais clientes da plataforma, estão os clubes que lançaram os dois melhores jogadores do mundo da atualidade, o Sporting (Cristiano Ronaldo) e o Newell's Old Boys (Leonel Messi), bem como a maior rede televisiva africana, a SuperSport, que integra 240 canais temáticos.

A longo prazo, o projeto quer alargar-se a outras modalidades, conquistando novos mercados, bem como apostar num "Facebook do futebol", uma espécie de "market place", a partir do qual será possível comunicar diretamente com os agentes.

Em Portugal, apenas os três grandes e o Sporting de Braga dispõem de equipas internas de scouting.

Com Lusa

  • Ronaldo agradece apoio e promete dar o melhor na meia-final
    0:36

    Euro 2016

    O capitão da seleção nacional, Cristiano Ronaldo, agradeceu hoje aos adeptos presentes nas imediações do Centro Nacional de Râguebi francês, em Marcoussis, prometendo empenho na meia-final do Euro2016, frente ao País de Gales. "Viemos agradecer o vosso apoio até agora. Ainda não ganhámos nada, mas vamos dar o nosso melhor na meia-final. Ficamos muito orgulhosos do vosso apoio. Obrigado", afirmou Cristiano Ronaldo, à porta do quartel-general da seleção lusa.

  • Governo quer reduzir gastos com papel na função pública
    1:08

    Economia

    O Governo proibiu a livre utilização das impressoras pelos funcionários públicos. O ministro das Finanças quer assim reduzir em 20% a despesa em consumo de papel e, ao mesmo tempo, minimizar a perigosidades dos resíduos produzidos com as impressoras, no Estado.