sicnot

Perfil

Desporto

Guardiola desvaloriza "duelo" com Mourinho

O treinador espanhol Pep Guardiola rejeitou hoje, à semelhança do que fez o português José Mourinho, que a próxima época na liga inglesa de futebol seja um confronto entre ambos.

© Reuters Staff / Reuters

"José [Mourinho] disse muito bem na conferência de imprensa: isto não é sobre mim ou sobre ele. Estamos focados nos nossos trabalhos. Conhecemo-nos muito bem e só posso dizer que, como treinador, ajudou-me a melhorar muito, como o fizeram Klopp ou Tuchel quando estava na Alemanha", afirmou.

Na primeira conferência de imprensa em Manchester como treinador do City, Guardiola, que teve um 'duelo' intenso com Mourinho na liga espanhola, com o primeiro à frente do FC Barcelona e o português no Real Madrid, quis deixar claro que não será um campeonato entre os dois.

Desta vez Guardiola estará no Manchester City e Mourinho no rival Manchester United, mas o espanhol lembra os grandes nomes de treinadores que a liga inglesa oferece.

"Será muito interessante ver como será esta 'Premier'. [Antonio] Conte é uma grande contratação do Chelsea e é um mestre da tática. Também [Jurgen] Klopp [Liverpool], que conheci na Alemanha. [Ronald] Koeman [no Everton] é um grande amigo, e [Claudio] Ranieri [Leicester]. Será uma grande 'Premier'", disse o novo treinador do Manchester City.

Guardiola, de 45 anos, falou também do prazer que sempre tinha quando ia a Inglaterra, fosse como treinador ou jogador, algo que o deixava sempre "impressionado".

Assim, treinar no campeonato inglês é mais um desafio, depois de o ter feito no FC Barcelona e Bayern Munique, provando desde logo que também é capaz de o fazer em campos com maiores dificuldades.

"As pessoas dizem que o Pep só joga em campos bons, sem vento, neve ou chuva. Estou aqui para isso, para testar-me a mim mesmo, para provar que sou capaz de aplicar o meu futebol", justificou o treinador.

Na sua carreira, na qual já ganhou tudo, nomeadamente no FC Barcelona, Guardiola considera ter tido testes duros, com equipas em que é obrigatório vencer sempre, mas sabe que em Inglaterra a realidade pode ser diferente.

"Aqui sei que é complicado, é uma competição em que ganhar cinco ou seis jogos consecutivos é quase impossível", mas acrescentou que pretende ter esse desafio, o de ser constante no jogo que apresenta, com uma pressão que diz ser positiva.

Lusa

  • Marcelo lembra como foi tratada a tragédia durante a ditadura
    2:25

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Marcelo Rebelo de Sousa não quis comentar diretamente a polémica em torno da lista das vítimas mortais de Pedrógão Grande, mas recorreu às cheias de 1967 para lembrar como as tragédias eram tratadas no tempo da ditadura. O Presidente da República defendeu que não é possível esconder a dimensão de uma tragédia num regime democrático. Há 50 anos, Marcelo Rebelo de Sousa acompanhou de perto a forma como o regime tentou esconder a verdadeira dimensão do incidente.

  • Ministra admite falhas no SIRESP no presente e no passado
    2:35

    País

    A ministra da Administração Interna admitiu, esta quinta-feira, que o SIRESP falha no presente tal como já falhou no passado, quando a tutela pertencia ao Governo PSD. Os sociais-democratas quiserem ouvir Constança Urbano de Sousa na comissão parlamentar mas desta vez a ministra defendeu-se com um ataque. 

  • À descoberta de Dago, o destroço mais visitado em mergulho de profundidade
    13:51
  • Uma viagem aérea pela aldeia histórica de Monsanto
    0:50
  • "Comecei por ajudar uma família que me pediu um plástico para se proteger"
    4:51
  • Quase três mil toneladas de plástico ameçam tartarugas no Mediterrâneo
    2:35

    Mundo

    O Mar Mediterrâneo está sob a ameaça de se tornar uma lixeira com três mil toneladas de plástico a flutuarem entre a Europa e África. Há milhões de turistas a nadarem nestas águas e há espécies marinhas que já estão em perigo. No Chipre, os cientistas estão a tentar proteger tartarugas, cuja alimentação já é quase totalmente de plástico.

  • Deputado da Malásia diz que negar sexo ao marido é uma forma de abuso

    Mundo

    Um deputado malaio tem sido alvo de algumas críticas na internet, depois de ter dito que negar sexo a maridos é uma forma de abuso psicológico e emocional por parte das mulheres. As declarações de Che Mohamad Zulkifly Jusoh foram feitas durante um debate sobre as alterações às leis de violência doméstica, na quarta-feira.

    SIC