sicnot

Perfil

Desporto

Brasil prevê realizar 22 mil atendimentos médicos nos Jogos Olímpicos

O Ministério da Saúde do Brasil anunciou hoje que prevê realizar 22 mil atendimentos médicos nas instalações olímpicas e paralímpicas durante a realização dos eventos desportivos no Rio de Janeiro, nos meses de agosto e setembro.

© Sergio Moraes / Reuters

A informação foi divulgada no lançamento do Centro Integrado de Operações Conjuntas da Saúde (Ciocs), no Rio de Janeiro.

Segundo o órgão, a estimativa é que de 1% a 2% dos espectadores as competições vão precisar de atendimento médico. O governo brasileiro estimou, ainda, que 90% destes casos devem ser solucionados dentro das próprias arenas esportivas.

No evento, o ministro da Saúde, Ricardo Barros, fez questão de frisar que os compromissos para receber os Jogos Olímpicos e Paralímpicos no Rio de Janeiro foram cumpridos.

Porém, a Agência Brasil informa que o Ministério da Saúde ainda trabalha para contratar cerca de 2,4 mil profissionais de saúde temporários para reforçar os hospitais durante os eventos.

O ministério comunicou que as ocorrências de saúde nos Estados que receberão competições serão monitoradas 24 horas por dia a partir do próximo dia 29.

Ricardo Barros disse que esta vigilância durante a competição "ajudará as equipas de saúde a estarem aptas para atender a qualquer ocorrência o mais rápido possível".

Turistas estrangeiros e brasileiros também terão acesso a uma versão olímpica do aplicativo gratuito Guardiões da Saúde, usado para comunicar sintomas de problemas de saúde e também para descobrir o endereço das unidades de atendimento médico.

Lusa

  • Reclusos que fugiram de Caxias tiveram cúmplices
    1:59

    País

    Uma falha de Portugal poderá explicar a libertação de um dos dois chilenos que fugiram de Caxias e foram apanhados em Espanha. As autoridades portuguesas atrasaram-se a enviar o mandado de detenção e a polícia espanhola libertou o fugitivo. Na investigação da fuga, acredita-se que os 3 reclusos tiveram cúmplices e a namorada de um deles já foi interrogada.

  • Jovem indiano acorda a caminho do próprio funeral

    Mundo

    Um jovem indiano chocou os seus parente e amigos, depois de acordar no caminho para o seu próprio funeral. No mês antes, Kumar Marewad foi levado para o hospital após ser mordido por um cão de rua, ficando em estado grave.

  • Bilhete de desculpas valeu uma bolsa de estudo

    Mundo

    Um jovem chinês ganhou uma bolsa de estudos no valor de 10 mil yuan (cerca de 1.380 euros), depois de danificar acidentalmente um carro de luxo. Isto, porque após os estragos, o jovem deixou um bilhete de desculpas ao dono, assim como todo o dinheiro que tinha com ele, como compensação.