sicnot

Perfil

Desporto

Sporting perde com Zenit e já leva nove golos sofridos em três jogos

O Sporting sofreu hoje nova derrota no estágio que está a efetuar na Suíça, desta vez frente ao Zenit de São Petersburgo, por 4-2, voltando a evidenciar debilidades defensivas que explicam os nove golos sofridos em três jogos.

Paulo Duarte

Aliás, a defesa leonina começou cedo a meter água, iam decorridos oito minutos, quando o espanhol Javi Garcia, na sequência de um canto curto, abriu o marcador, saltando mais alto do que os centrais do Sporting e cabeceando para o fundo da baliza à entrada da pequena área.

O Sporting respondeu de imediato, por Gelson Martins, de longe o melhor jogador dos leões na tarde de hoje, a fazer um grande trabalho no flanco direito para oferecer o golo a Bruno César, que se limitou a encostar com o pé esquerdo para o fundo das redes da equipa russa.

No entanto, a organização defensiva dos leões não tardaria a comprometer novamente, aos 16 minutos, quando o veterano Yuri Zirkhov recolocou o Zenit na frente do marcador, numa jogada que nasceu no flanco esquerdo e culminou com uma diagonal interior do internacional russo a ganhar espaço para finalizar à entrada da área entre Zeegelar e Rúben Semedo, que partilham responsabilidades no lance.

Um minuto volvido, o mesmo Rúben Semedo voltou a comprometer, ao oferecer literalmente o golo a Kerzhakov, que se limitou a aplicar um 'chapéu' a Azbe Jug, à saída deste de entre os postes.

O Sporting ainda conseguiu reduzir pelo seu melhor jogador, Gelson Martins, único agitador que fez oscilar a defesa russa, aos 37 minutos, numa fase do jogo em que estava claramente 'por cima', a forçar o Zenit a defender no seu último terço do campo.

Na segunda parte, Jorge Jesus fez entrar Podence e Slimani para os lugares de Barcos e do novo reforço argentino Alan Ruiz, que confirmou em detalhes ter um pé esquerdo notável, mas também peso a mais e mobilidade a menos, pelo menos nesta fase da época.

O treinador leonino ainda lançou Matheus, aos 63 minutos, para a posição de Bruno César, e João Palhinha e Iúri Medeiros aos 68, em detrimento do sérvio Petrovic, que voltou a não impressionar, e Gelson Martins, mas o Sporting foi forçado a defender mais na segunda parte perante a pressão exercida pelo Zenit.

O quarto golo dos russos, que estão numa fase mais adiantada da preparação, na ponta final do jogo, por Djordjevic, aos 85 minutos, acabou por ajustar o resultado ao desenrolar do jogo.

Este jogo com o Zenit é o terceiro do Sporting no estágio de pré-época que decorre na Suíça, depois de ter perdido por 4-1 com os franceses do Mónaco e de ter vencido os suíços Stade Nyonnais por 3-1.

Lusa

  • "É abusivo falar de fuga ao fisco"
    4:10

    Economia

    Dez mil milhões de euros é o valor de que se fala das transferências para contas offshore, que terão escapado à Autoridade Tributária. O número impressiona, mas é preciso notar que este dinheiro é capital que sai do país e o capital não está sujeito ao pagamento de imposto só porque sai do país. O fiscalista Tiago Caiado Guerreiro esteve no Jornal da Noite para dar mais explicações sobre o caso.