sicnot

Perfil

Desporto

Alemanha pede exclusão da Rússia em 20 modalidades

© Sergio Moraes / Reuters

O presidente do Comité Olímpico Alemão (DOSB) pediu a exculsão dos atletas russos dos Jogos Olímpicos Rio 2016 nas 20 modalidades mencionadas no relatório McLaren, que demonstrou a existência de um sistema de doping apoiado pelo governo desde 2011.

"Eu excluiria as 20 modalidades, aquelas em que foi possível demonstrar uma dopagem sistemática", disse o presidente do DOSB, numa entrevista publicada hoje pelo jornal Bild.

O relatório McLaren, tornado público na segunda-feira demonstrou a existência de um sistema de dopagem sistemático organizado pelo Estado russo, com o apoio ativo dos serviços secretos, de 2011 a 2015, em 30 desportos, dos quais 20 são disciplinas inscritas nos Jogos Olímpicos de Verão.

De acordo com o presidente do DOSB, é mais complicado justificar a exclusão de modalidades que não tenham sido mencionadas no relatório pedido pela Agência Mundial Antidopagem (AMA).

O relatório, da autoria do professor de direito Richard McLaren, Vitali Mutko e o seu adjunto, Iouri Nagornykh, o Estado russo foi responsável por um esquema de doping organizado no desporto russo, desde 2011 e que abrange 30 modalidades.

O relatório, pedido pela Agência Mundial Antidopagem (AMA), diz que o Governo russo dirigiu um programa de dopagem com apoio estatal, com participação ativa do ministro do Desporto e dos serviços secretos.

McLaren refere que o programa "à prova de falhas" foi colocado em prática pelos responsáveis russos, inclusivamente durante os Jogos Olímpicos de Inverno Sochi2014.

O COI adiou uma decisão sobre a presença da Rússia no Rio2016, mas na terça-feira vetou a presença do ministro do Desporto da Rússia, Vitali Mutko, nos Jogos Olímpicos deste ano.

De acordo com o documento, Vitaly Mutko teve "participação ativa" nesse sistema, que teve a assistência dos serviços secretos nos laboratórios antidopagem de Moscovo e Sochi.

Lusa

  • Militar ferido com gravidade em acidente com Pandur
    1:19

    País

    O acidente em Vila Real que envolveu uma viatura militar fez três feridos. Uma das vítimas ficou em estado grave e teve de ser transportada de helicóptero para o Hospital Santo António do Porto. O militar ficou encarcerado no veículo blindado, o que dificultou os trabalhos de socorro.

  • Sismo abala centro de Itália

    Mundo

    A capital da Itália foi esta manhã sacudida por três sismos em apenas uma hora, de entre 5,3 e 5,7 na escala de Richter, não havendo até ao momento registo de vítimas.

  • Oposição diz que défice abaixo dos 2,3% se deve ao aumento de impostos
    2:24

    Economia

    O défice de 2016 vai ficar abaixo dos 2,3%, uma garantia dada pelo primeiro-ministro durante o debate quinzenal desta terça-feira. A oposição diz que o resultado é bom para o país mas que se deve a um aumento de impostos, feito pelo Governo no ano passado, e ao trabalho do PSD e do CDS nos anos anteriores.

  • Bebé nasce na Ucrânia com ADN de três pais

    Mundo

    Nasceu a 5 de janeiro, na Ucrânia, uma menina filha de um casal infértil graças à ajuda de uma nova técnica de fertilização in vitro, que conta com a colaboração de uma terceira pessoa. De acordo com o britânico The Times, os médicos utilizaram pela primeira vez um método denominado transferência pronuclear. Esta não é, contudo, a primeira vez que nasce um bebé com ADN de três progenitores.

  • CIA desvenda segredos de quase 50 anos de História

    Mundo

    A CIA publicou online quase 12 milhões de documentos confidenciais. Basta uma ligação à Internet para navegar por entre 50 anos de relatórios outrora secretos. Entre os milhões de páginas, estão documentos sobre um eventual assassínio de Fidel Castro, detalhes sobre os crimes de guerra nazis, relatórios sobre avistamentos de OVNI e um estudo sobre telepatia denominado "Projeto Star Gate".