sicnot

Perfil

Desporto

Rui Vinhas defende a liderança na etapa mais longa da volta a Portugal

NUNO VEIGA

O português Rui Vinhas (W52-FC Porto) defende hoje a liderança da 78.ª Volta a Portugal em bicicleta na oitava e mais longa etapa da prova, entre a Nazaré e Arruda dos Vinhos, numa distância de 208,5 quilómetros.

O corredor dos dragões vai defender na antepenúltima etapa, pelas estradas do oeste, os 2.25 minutos de vantagem sobre o espanhol e seu companheiro de equipa Gustavo Veloso, vencedor das últimas duas edições da prova e segundo classificado, e 2.53 sobre o seu compatriota Daniel Silva (Rádio Popular-Boavista), que completa o pódio provisório.

As cidades de partida e chegada vão estrear-se no percurso da Volta a Portugal, com a ligação mais longa dos últimos cinco anos, que inclui algumas dificuldades para o pelotão, como é o caso da Serra de Montejunto (132,4 quilómetros), onde está instalada uma contagem de montanha de segunda categoria.

Depois, a caravana, que vai partir do Sítio da Nazaré, às 12:10, vai enfrentar uma subida de quarta, em Alenquer (160,8) e outra de terceira, em São Tiago dos Velhos (185,6), antes da chegada a Arruda dos Vinhos, cerca das 17:15, depois de uma primeira passagem pela meta, na Avenida Eng. Adriano Brito da Conceição.

Além do provável 'sprint' em Arruda dos Vinhos, vão estar ainda em disputa metas volantes no Bombarral (42), em Torres Vedras (90,9) e Sobral de Monte Agraço (199,5).

Lusa

  • Atacantes de Barcelona "não estão a caminho da nossa fronteira"
    7:00

    Ataque em Barcelona

    O diretor da Unidade Nacional de Contraterrorismo da Polícia Judiciária esteve esta sexta-feira no Jornal da Noite para falar sobre o duplo atentado em Espanha. Luís Neves diz que o nível de ameaça em Portugal, perante os ataques, não foi alterado porque "não se detectou que tenha existido informação que possa colocar o nosso território em perigo".