sicnot

Perfil

Desporto

Elias regressa ao Sporting para dar "experiência e títulos"

O internacional brasileiro Elias disse esta quarta-feira que voltou ao Sporting para dar "experiência e títulos" à equipa treinada por Jorge Jesus, líder isolada da I Liga de futebol, ao fim de três jornadas.

À chegada ao aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, Elias, que tinha saído do Sporting em litígio com o presidente Bruno de Carvalho, problemas que o médio disse estarem sanados.

"Ele defendia os interesses do Sporting e eu os meus", limitou-se a responder Elias quando questionado pelos jornalistas sobre as divergências passadas com o líder leonino.

Lembrando que ainda tinha de cumprir os necessários exames médicos, Elias prometeu que regressa ao Sporting para "tentar ajudar da melhor maneira e conquistar o título tão sonhado".

Contratado pela primeira vez em 2011, ainda na presidência de Godinho Lopes, Elias protagonizou, na altura, a transferência mais cara de sempre do Sporting, que o foi buscar ao Atlético de Madrid por 8,9 milhões de euros.

Em 2014, e já com Bruno de Carvalho na presidência, o médio brasileiro foi vendido a título definitivo ao Corinthians, por quatro milhões de euros.

De acordo com a imprensa, o Sporting resgatou Elias ao Corinthians num negócio avaliado em cerca de três milhões de euros.

Lusa

  • Dois jovens atropelados mortalmente no concelho de Montemor-o-Velho
    2:20
  • Presidente de "O Sonho" suspeito de peculato e fraude
    2:26

    País

    O presidente das três instituições de solidariedade social de Setúbal - incluindo "O Sonho" -, que na sexta-feira foram alvo de buscas, foi constituído arguido. Florival Cardoso é, por enquanto, o único suspeito de peculato e fraude na obtenção de subsídios para as instituições.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07