sicnot

Perfil

Desporto

Infantino vai receber menos 25% que Joseph Blatter

Reuters

A remuneração do presidente da FIFA, Gianni Infantino, foi fixada em 1,5 milhões de francos suíços por ano (1,38 milhões de euros), um salário 25% inferior ao do seu antecessor Joseph Blatter, anunciou o organismo regulador do futebol mundial.

"A subcomissão das remunerações e o presidente da FIFA chegaram a acordo quanto à sua remuneração anual bruta, fixada nos 1,5 milhões de francos, acrescida de suplementos", indicou a FIFA em comunicado.

Entre os suplementos associados à função, acrescentou a FIFA, estão uma viatura e alojamento, bem como dois mil francos suíços adicionais (cerca de 1.800 euros) para outras despesas. O contrato entrou em vigor a 27 de fevereiro de 2016.

Gianni Infantino foi eleito presidente da FIFA a 26 de fevereiro deste ano, depois de Joseph Blatter ter sido suspenso por seis anos devido ao seu envolvimento em escândalos de corrupção.

Gianni Infantino foi eleito presidente da FIFA a 26 de fevereiro deste ano, depois de Joseph Blatter ter sido suspenso por seis anos devido ao seu envolvimento em escândalos de corrupção.

A organização adiantou que os bónus relativos a 2016 não serão pagos, tendo a subcomissão, o presidente e o secretário-geral da FIFA convergido na apreciação de que a política remuneratória "é inadequada e passível de usos indevidos".

"O pagamento de bónus de 2017 em diante serão atribuídos de acordo com critérios objetivos relacionados com a missão da FIFA, bem com os resultados das reformas em curso no seio da organização", pode ler-se no comunicado.

Lusa

  • Vidas de fogo
    12:04

    Reportagem Especial

    Este ano durante o período mais crítico dos fogos, estão no terreno quase dez mil operacionais, a maioria bombeiros voluntários. A Reportagem Especial da SIC deste domingo "Vidas de fogo" dá a conhecer histórias de bombeiros que sobreviveram às chamas enquanto serviam o país.

  • Portugal "precisa avançar no trabalho" para reduzir crédito malparado
    1:36

    Economia

    Bruxelas recomenda e insiste que o Governo português avance no trabalho para resolver o crédito malparado. Em entrevista à SIC e ao Expresso, o vice-Presidente da Comissão para o Euro e Estabilidade Financeira, Valdis Dombrovskis, adianta que Bruxelas está também a preparar um Plano de Ação ao nível europeu.

    Entrevista SIC/Expresso

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.