sicnot

Perfil

Desporto

Dani Pedrosa obtém primeira vitória da época no GP São Marino

© Heino Kalis / Reuters

O piloto espanhol Dani Pedrosa (Honda) venceu hoje o Grande Prémio de São Marino em MotoGP, superiorizando-se aos pilotos da Yamaha Valentino Rossi e Jorge Lorenzo, que tinha partido da 'pole position'.

Oitavo vencedor diferente nesta temporada, Dani Pedrosa ainda não tinha vencido em 2016 e há cinco grandes prémios que não alcançava o pódio, algo que não sucedia desde a temporada de 2001, quando se estreou na categoria de 125 cc.

No circuito de Misano, em Itália, o espanhol Marc Márquez (Honda) terminou em quarto, mas conservou a liderança do campeonato do mundo, com 223 pontos, à frente de Valentino Rossi, com 180, e de Jorge Lorenzo, atual campeão mundial, com 162.

Usando pneus macios desde o início da corrida, Dani Pedrosa, que partiu da oitava posição, conseguiu de forma consistente ultrapassar os adversários tendo assumido a liderança a sete voltas do final, depois de realizar uma ultrapassagem viril a Valentino Rossi, perante os seus compatriotas.

O veterano italiano de 37 anos, detentor de nove títulos mundiais, incluindo sete na categoria rainha, tinha dominado a prova praticamente desde o início, depois de ultrapassar Lorenzo na segunda volta, mas foi incapaz de resistir ao ritmo de Pedrosa.

Márquez, que escolheu um pneu duro atrás, não foi capaz de acompanhar os três primeiros e terminou na mesma posição em que iniciou a corrida, valendo-lhe a vitória de Pedrosa para minimizar as perdas em relação a Rossi.

O espanhol Maverick Viñales (Suzuki), que no início do mês conquistou o seu primeiro triunfo em MotoGP ao impor-se no Grande Prémio de Inglaterra, terminou na quinta posição.

Na corrida de Moto2, o português Miguel Oliveira (Kalex) foi hoje 17.º classificado depois de uma queda o ter arredado do 'top-10' da 13.ª prova do Mundial de motociclismo de velocidade.

A vitória do circuito de Misano foi para um piloto da casa, Lorenzo Baldassarri, que se impôs perante o espanhol Alex Rins e o japonês Takaaki Nakagami, enquanto o francês Johann Zarco terminou em quarto e manteve a liderança do Mundial com três pontos de vantagem sobre Rins.

Em Moto3, o sul-africano Brad Binder (KTM) deu um passo de gigante para conquistar o título de campeão do mundo ao alcançar no circuito de Misano a sua segunda vitória consecutiva e a quinta da temporada, beneficiando da queda do espanhol Jorge Navarro (Honda).

Binder lidera o Mundial com 229 pontos, conta 123 de Enea Bastianini (Honda).

Lusa

  • CGD terá de reconhecer imparidades e prepara saída de 2 mil funcionários
    2:45

    Caso CGD

    O novo plano estratégico da Caixa está pronto e foi entregue há duas semanas ao Ministério das Finanças. A SIC sabe que está a ser preparada a saída de 2 mil trabalhadores e que o banco terá de reconhecer imparidades. O Expresso diz que a CGD vai fechar o ano com prejuízos que podem chegar aos 3 mil milhões de euros.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.