sicnot

Perfil

Desporto

Multas para os três grandes e para o Braga

O comportamento incorreto do público na quarta jornada da I Liga de futebol valeu aos três grandes e ao Sporting de Braga multas no valor global de 10.000 euros, de acordo com o mapa de castigos divulgado esta terça-feira.

O Sporting e o Sporting de Braga foram os mais penalizados pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), com cerca de 3.000 euros cada pela conduta dos seus adeptos.

Pela inobservância de outros deveres, os leões foram multados ainda em 765 euros e, pelo atraso no início no jogo, em 306, valor aplicado também aos bracarenses.

O FC Porto foi multado em cerca de 2.500, o Benfica com 1.454 euros e o Paços de Ferreira com 1.722.

Entre os jogadores suspensos para a próxima jornada estão Gegé (Arouca), Aly Ghazal (Nacional) e Ângelo Neto (Moreirense).

Lusa

  • Dijsselbloem mostra algum arrependimento mas recusa demitir-se
    2:40

    Mundo

    Jeroen Dijsselbloem diz que cabe ao Governo português avançar com o nome de Centeno para a presidência do Eurogrupo, mas escusa-se a comentar essa possibilidade. Para já, o holandês não se demite do cargo. Esta quinta-feira ouviu as críticas dos eurodeputados no Parlamento Europeu.

  • Há cada vez menos portugueses

    País

    A população em Portugal diminuiu no ano passado, pelo oitavo ano consecutivo, já que o número de mortes continua a ser superior ao de nascimentos, revelam dados hoje divulgados pelo INE.

  • Será que lavar em lavandarias self-service compensa?
    8:21
  • Depois de dar a volta (de bicicleta de Lisboa a Setúbal)

    País

    Missão cumprida. A SIC foi dar uma volta de bicicleta, acompanhando a primeira etapa de uma iniciativa que pretende impulsionar o uso dos velocípedes no país. Ao longo desta quarta-feira, publicámos vários vídeos em direto na página de Facebook da SIC Notícias, que aqui reunimos, em jeito de balanço.

    Ricardo Rosa

  • Primeira dama chinesa defende avanços na igualdade

    Mundo

    A primeira dama chinesa, Peng Liyuan, defendeu os avanços da China em matéria de igualdade dos géneros. Uma rara entrevista, difundida numa altura em que feministas chinesas asseguram serem controladas pela polícia face às suas campanhas.