sicnot

Perfil

Desporto

Maxi Pereira evolui para treino integrado condicionado no FC Porto

O defesa uruguaio Maxi Pereira voltou esta terça-feira aos treinos do FC Porto, que iniciou a preparação da receção de sexta-feira ao Boavista, em desafio da sexta jornada da I Liga de futebol.

Segundo o site dos 'dragões, o lateral direito uruguaio esteve no relvado nos 15 minutos abertos aos órgãos de comunicação social, tendo feito treino integrado condicionado.

Maxi Pereira teve de ser operado à perna direita na sequência de entrada dura de um adversário de Roma, em desafio de acesso à Liga dos Campeões, na qual os portistas estão a competir em detrimento dos transalpinos.

O treino não contou com o guarda-redes João Costa e o defesa Chidozie, que trabalharam com a equipa B.

O plantel do FC Porto cumpriu um dia de folga na segunda-feira, após ter voltado a perder pontos na I Liga, agora com 0-0 na visita ao Tondela, ultimo classificado, com apenas dois pontos.

A equipa de Nuno Espírito Santo, terceira classificada, a três pontos do líder Benfica e a dois do Sporting, recebe o Boavista, 12.º com cinco pontos, às 19:00 de sexta-feira.

Os portuenses voltam ao trabalho na quarta-feira (10:00) no Centro de Treinos e Formação Desportiva PortoGaia, à porta fechada.

Com Lusa

  • "O bom senso obriga a acordo para a estabilização do sistema financeiro"
    2:06

    Economia

    O Presidente da República disse esta quarta-feira que "o bom senso obriga a que todos estejam de acordo para a estabilização do sistema financeiro". Num aparente recado a Passos Coelho, Marcelo apelou a um consenso de regime e avisou que "não há prazer tático que justifique o desgaste" provocado pelas divisões atuais.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.