sicnot

Perfil

Desporto

Infantino quer aumentar número de seleções no Mundial para 40 ou 48

O presidente da FIFA, Gianni Infantino, revelou esta segunda-feira em Bogotá que está a ponderar a ideia de aumentar o número de seleções participantes no Mundial de futebol para 40 ou 48 a partir de 2026.

"O nosso dever é desenvolver o futebol e por isso propus durante a minha campanha eleitoral um Mundial com 40 seleções, oito mais do que acontece atualmente", disse Infantino, durante uma visita à Universidade Sérgio Arboleda, em Bogotá, à qual assistiu para apoiar o projeto "Futebol+Educação".

O dirigente justificou o aumento de seleções do Mundial com o impacto social que o futebol tem em todo o mundo.

"Se a Colômbia se qualifica para o Mundial, todo o país vive em euforia, há felicidade. Se não se qualifica, há tristeza, é uma tragédia nacional. Isso mostra a força do futebol e do Mundial", disse Infantino, dando um exemplo do impacto social que o futebol tem.

Sobre a eventual participação futura de 48 seleções -- atualmente participam 32 -- afirmou que se trata de uma ideia que será debatida no Conselho da FIFA na próxima semana, ressalvando, porém, que a decisão final só será tomada em janeiro de 2017.

Lusa

  • "O euro como o conhecemos é uma construção imperfeita"
    1:26

    Economia

    O primeiro-ministro diz que o euro como o conhecemos é uma construção imperfeita e que sem regras iguais para todos não é possível a reforma da moeda única. As declarações de António Costa foram feitas esta terça-feira, em Lisboa, numa conferência intitulada de "Consolidar o Euro. Promover a Convergência".

  • "A Miss Helsínquia é a mulher mais feia que já vi num concurso de beleza"

    Mundo

    Sephora Lindsay Ikabala venceu o concurso Miss Helsínquia 2017 e, desde então, tem vindo a ser insultada e criticada nas redes sociais. A nigeriana de 19 anos vive na cidade desde criança. "A Miss Helsínquia é literalmente a mulher mais feia que já vi num concurso de beleza", é apenas um dos muitos comentários que circula nas redes sociais.

  • As propostas Chanel para a próxima estação
    1:34

    Mundo

    Um dos desfiles mais aguardados do mundo da moda aconteceu esta segunda-feira, em Paris, com as propostas da casa Chanel para a próxima estação primavera/verão. No final do desfile, e pela primeira vez em 30 anos, Karl Lagarfeld não deu nenhuma entrevista à comunicação social.