sicnot

Perfil

Desporto

Benfica vai a eleições a 27 de outubro

© Reuters

As eleições para os órgãos sociais do Benfica para o quadriénio 2016/2020 realizam-se a 27 de outubro, comunicou esta terça-feira o clube, com o anúncio da convocatória da assembleia geral ordinária eleitoral.

O presidente em exercício, o empresário Luís Filipe Vieira, é, até ao momento, o único candidato ao cargo, que ocupa desde 2003.

A 27 de julho, Luís Filipe Vieira apresentou a sua recandidatura à liderança dos encarnados, apontando a conquista do tetracampeonato pela equipa de futebol como uma das ambições para o novo mandato.

Numa nota do presidente da mesa da AG, Luís Nazaré, é comunicado que a assembleia eleitoral "funcionará no Pavilhão 2 do Complexo Desportivo do Estádio da Luz" e terá secções de voto nas casas do Benfica em Vila Nova de Famalicão, Évora e Faro.

Os sócios dos encarnados residentes na Madeira, Açores e fora de Portugal poderão votar pela internet.

As eleições irão decorrer das 10:00 às 22:00 e após o fecho das urnas será feito o apuramento dos resultados, que deverão, como é prática no clube da luz, ser conhecidos pouco depois.

Na convocatória, o presidente da mesa da Assembleia Geral, informa também que as listas de candidatura aos órgãos sociais terão que ser apresentadas até às 17:00 de 17 de outubro, na secretaria geral do clube.

Lusa

  • Kikas faz história
    1:22
  • Madonna está outra vez em Lisboa 😲
    0:59
  • Hindus pedem a troca de nome da cerveja brasileira Brahma

    Mundo

    Um grupo de hindus pediu a mudança da marca de cerveja Brahma, propriedade da multinacional cervejeira Anheuser-Busch InBev, com sede em Lovaina, na Bélgica, argumentando que é inapropriado uma bebida alcoólica ter o nome que um deus hindu.

  • Manuais oferecidos aos alunos do 1.º ano não podem ser reutilizados
    2:42

    País

    As escolas querem que sejam devolvidos aos alunos os manuais do 1.ºo ano que foram dados gratuitamente pelo Estado para serem reutilizados nos próximos anos. A Associação de Diretores de Agrupamentos diz que os livros estão praticamente todos em bom estado, mas da forma como são feitos pelas editoras é impossível voltar a usá-los. As escolas querem que o Executivo chegue a um entendimento com as editoras para conceber manuais reutilizáveis.

  • Portugal com 3.ª maior dívida pública da UE

    Economia

    A dívida pública recuou, em termos homólogos, na zona euro e na União Europeia (UE), no primeiro trimestre, tendo Portugal registado a terceira maior dos 28 (130,5%), depois da Grécia e de Itália, divulga hoje o Eurostat.