sicnot

Perfil

Desporto

Presidente da federação francesa diz que Benzema volta a ser selecionável

O presidente da Federação Francesa de Futebol (FFF), Noël Le Graët, assegurou, numa entrevista publicada esta quinta-feira no jornal Le Figaro, que Karim Benzema, afastado da seleção devido a um alegado caso de chantagem sexual a Mathieu Valbuena, é selecionável.

"Horroriza-me castigar alguém eternamente. O caso segue o seu curso e, pessoalmente, acho que já está a demorar demasiado tempo", defendeu Noël Le Graët, que em março tinha afastado o avançado do Real Madrid em nome da harmonia da seleção.

Karim Benzema, que falhou o Euro2016 realizado em França e no qual Portugal se sagrou campeão, viu o seu nome envolvido como cúmplice num caso de alegada chantagem ao seu colega de seleção Mathieu Valbuena, envolvendo um vídeo de cariz sexual.

Noël Le Graët, que apoiou sempre o avançado gaulês e manifestou várias vezes o seu desagrado pela lentidão do processo judicial, tomou a decisão de afastar o jogador para não prejudicar o equilíbrio da seleção anfitriã do Euro2016.

"Agrada-nos bastante como futebolista e com a seleção nunca nos criou problemas. Didier (Deschamps) sempre o defendeu, inclusive quando não marcava golos. Começou bem a época e vamos ver", disse ainda o presidente da federação gaulesa.

Le Graët não afastou a ideia de Zinedine Zidane, presentemente ao serviço do Real Madrid, se converter um dia selecionador francês, mas reforçou que, por agora, Didier Deschamps tem contrato até ao Mundial2018.

"Ele (Zidane) está a fazer um bom trabalho no Real Madrid e eu estou muito contente por ele. Revela qualidade e sabe do jogo. Um dia pode chegar a ser selecionador", disse Le Graët, de 75 anos, que indicou ainda a possibilidade de Didier Deschamps o suceder no cargo de presidente da FFF.

  • A Verdade sobre a Mentira
    35:13
  • Elemento dos Super Dragões com medida de coação mais gravosa
    1:37

    Desporto

    Os seis arguidos da Operação Jogo Duplo, que investiga crimes de corrupção e viciação de resultados na II Liga de futebol, saíram em liberdade. A medida de coação mais gravosa é para um membro da claque Super Dragões, que terá de pagar uma caução de 5 mil euros.

  • Mais de 120 pessoas com hepatite A
    2:23

    País

    O surto de hepatite A já infetou 128 pessoas, 60 das quais estão internadas em hospitais de Lisboa e Coimbra. A Direção-Geral da saúde recomenda a vacinação apenas aos familiares dos doentes. Apesar de não haver ruptura de stocks, há farmácias que não têm vacinas.

  • Sobreviventes de Mossul relatam mutilações e execuções do Daesh
    1:32