sicnot

Perfil

Desporto

Etapa portuguesa do mundial de surf espera por melhores ondas

Gabriel Medina conquistou 9,76 pontos (4,73 e 5,03) na primeira ronda.

CARLOS BARROSO

A organização da etapa portuguesa do circuito mundial de surf decidiu hoje aguardar pelas 12:30 e por melhores ondas para o possível reatamento da competição, na praia de Supertubos, em Peniche.

Depois de ter sido disputada a primeira ronda, na terça-feira, o Meo Rip Curl Pro Portugal, da 10.ª e penúltima etapa do circuito, vai ser retomado com a segunda eliminatória, de repescagem, e com o embate entre o wild-card português Miguel Blanco e o havaiano John John Florence, líder do ranking.

Além de John John, vão também tentar qualificar-se para a terceira eliminatória o brasileiro Gabriel Medina e o australiano Matt Wilkinson, segundo e terceiros da hierarquia, frente ao australiano Ryan Callinan e ao francês Jeremy Flores, respetivamente.

O norte-americano Kelly Slater alcançou uma das melhores pontuações da primeira ronda da etapa de Peniche do circuito mundial de surf.
1 / 17

O norte-americano Kelly Slater alcançou uma das melhores pontuações da primeira ronda da etapa de Peniche do circuito mundial de surf.

CARLOS BARROSO

Kelly Slater qualificou-se diretamente para a terceira ronda com 15,83 pontos.
2 / 17

Kelly Slater qualificou-se diretamente para a terceira ronda com 15,83 pontos.

CARLOS BARROSO

Miguel Blanco estreou-se hoje no circuito mundial de surf.
3 / 17

Miguel Blanco estreou-se hoje no circuito mundial de surf.

CARLOS BARROSO

Miguel Blanco foi relegado pelo brasileiro Jadson André para a segunda eliminatória, de repescagem, em que vai encontrar o havaiano John John Florence.
4 / 17

Miguel Blanco foi relegado pelo brasileiro Jadson André para a segunda eliminatória, de repescagem, em que vai encontrar o havaiano John John Florence.

CARLOS BARROSO

O brasileiro Gabriel Medina, segundo do ranking mundial e campeão do mundo em 2014.
5 / 17

O brasileiro Gabriel Medina, segundo do ranking mundial e campeão do mundo em 2014.

CARLOS BARROSO

Gabriel Medina conquistou 9,76 pontos (4,73 e 5,03) na primeira ronda.
6 / 17

Gabriel Medina conquistou 9,76 pontos (4,73 e 5,03) na primeira ronda.

CARLOS BARROSO

Gabriel Medina vai tentar a qualificação para a terceira ronda diante do australiano Ryan Callinan.
7 / 17

Gabriel Medina vai tentar a qualificação para a terceira ronda diante do australiano Ryan Callinan.

CARLOS BARROSO

O wild card português Frederico Morais qualificou-se hoje diretamente para a terceira eliminatória.
8 / 17

O wild card português Frederico Morais qualificou-se hoje diretamente para a terceira eliminatória.

CARLOS BARROSO

9 / 17

CARLOS BARROSO

(Arquivo)
10 / 17

(Arquivo)

CARLOS BARROSO / Lusa

Frederico Morais relegou para a repescagem o brasileiro Gabriel Medina e o norte-americano Conner Coffin.
11 / 17

Frederico Morais relegou para a repescagem o brasileiro Gabriel Medina e o norte-americano Conner Coffin.

CARLOS BARROSO

Gabriel Medina
12 / 17

Gabriel Medina

CARLOS BARROSO

Miguel Blanco
13 / 17

Miguel Blanco

CARLOS BARROSO

O brasileiro Jadson André teve 13,20 pontos (6,67 e 6,53).
14 / 17

O brasileiro Jadson André teve 13,20 pontos (6,67 e 6,53).

CARLOS BARROSO

O havaiano John John Florence vai enfrentar a repescagem.
15 / 17

O havaiano John John Florence vai enfrentar a repescagem.

CARLOS BARROSO

John John Florence contabilizou 9,94 pontos (4,67 e 5,27).
16 / 17

John John Florence contabilizou 9,94 pontos (4,67 e 5,27).

CARLOS BARROSO

Kelly Slater
17 / 17

Kelly Slater

CARLOS BARROSO

O wild-card português Frederico Morais, o sul-africano Jordy Smith, os norte-americanos Kelly Slater e Kolohe Andino, os australianos Joel Parkinson, Kai Otton e Josh Kerr, os brasileiros Jadson André, Miguel Pupo, Wiggolly Dantas, Adriano de Souza e Italo Ferreira já asseguraram a presença na terceira ronda, ao vencerem as suas baterias da primeira eliminatória.

John John é o único com possibilidades de conquistar o título mundial nas ondas portuguesas, necessitando de vencer o Meo Rip Curl Pro Portugal e que Medina não consiga melhor do que o nono lugar, correspondendo a uma eliminação nos quartos de final ou antes.

O havaiano pode ainda chegar ao título se for finalista em Peniche, Medina não passe a terceira ronda, Wilkinson não chegue às meias-finais e Smith à final.

Lusa

  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Itália tenta colocar migrações na agenda do G7 contra vontade dos EUA
    1:45
  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.