sicnot

Perfil

Desporto

Vencedor do Dakar 2010 abandona prova depois de acidente

Reuters

© Eric Gaillard / Reuters

O espanhol Carlos Sainz, vencedor em 2010, desistiu do rali de todo-o-terreno Dakar, depois de um acidente na quarta etapa ter danificado o seu Peugeot, anunciou esta sexta-feira a sua equipa.

O espanhol, que era um dos candidatos ao triunfo final, caiu numa ravina a cerca de cinco quilómetros da meta da tirada, que ligou San Salvador de Jujuy (Argentina) e Tupiza (Bolívia), e ainda regressou ao "bivouac", mas a equipa não teve tempo para recuperar o carro para o arranque da etapa de hoje.

"Estou obviamente desiludido com este abandono. Nós estávamos com um ritmo muito bom depois do início do rali", lamentou Sainz, campeão do mundo de ralis em 1990 e 1992.

Carlos Sainz, que ocupava a terceira posição, é o segundo candidato ao triunfo final a ser obrigado a abandonar, depois de Nasser Al-Attiyah (Toyota), do Qatar.

Lusa

  • Dois jovens atropelados mortalmente no concelho de Montemor-o-Velho
    2:20
  • Presidente de "O Sonho" suspeito de peculato e fraude
    2:26

    País

    O presidente das três instituições de solidariedade social de Setúbal - incluindo "O Sonho" -, que na sexta-feira foram alvo de buscas, foi constituído arguido. Florival Cardoso é, por enquanto, o único suspeito de peculato e fraude na obtenção de subsídios para as instituições.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07