sicnot

Perfil

Desporto

FC Porto prepara receção ao Moreirense ainda sem Otávio e Layún

© Miguel Vidal / Reuters

O FC Porto prosseguiu esta terça-feira a preparação da receção de domingo ao Moreirense (18:00), jogo da 17.ª jornada da I Liga de futebol, com dois treinos, com Layún e Otávio a continuar a recuperar de lesões.

O lateral-esquerdo Layún e o médio ofensivo Otávio permanecem ao cuidado do departamento clínico, fazendo tratamento e trabalho no ginásio: o brasileiro ainda realizou treino condicionado.

O avançado e médio 'B', respetivamente Rui Pedro e Rui Pires, reforçaram o grupo, sendo que este apenas o fez na parte de tarde.

O argelino Brahimi está ao serviço da seleção para a Taça das Nações Africanas, enquanto o defesa Chidozie treinou com o FC Porto B.

Nuno Espírito Santo orienta o próximo treino quarta-feira às 16:00 no Centro de Treinos e Formação Desportiva PortoGaia, sendo que os primeiros 15 minutos são abertos aos Media.

Lusa

  • Obrigada a vir dos EUA, de 3 em 3 semanas, para ver o filho
    2:00

    País

    O episódio de hoje de Vidas Suspensas envolve uma médica dentista norte-americana e um empresário português. Um exemplo do que acontece a muitos portugueses que casam com estrangeiros: quando se divorciam, coloca-se a questão de saber para que país vão os filhos.

    Hoje na SIC

  • "Não era o jogo ideal para estreia do videoárbitro"
    4:50
  • Tubarão com 2,7 metros salta para dentro de barco e ataca pescador

    Mundo

    Um australiano foi atacado por um tubarão branco quando estava a pescar na sua embarcação, em Evan Heads, Nova Gales do Sul, na costa Este da Austrália. O animal, com cerca de 200 quilos e 2,7 metros de comprimento, saltou para dentro do barco, derrubou o pescador e mordeu-lhe no braço.

    SIC

  • Uma em cada dez crianças já foi vítima de cyberbullying
    10:41
  • "Sou Presidente de uma pátria com os melhores bombeiros do mundo"
    1:20

    País

    O Presidente da Liga dos Bombeiros, Jaime Marta Soares, avisou este domingo o Governo de que os bombeiros admitem usar o machado da paz para fazer a guerra. Marcelo Rebelo de Sousa destacou o orgulho que sente em ser "Presidente de uma pátria que tem os melhores bombeiros do mundo".