sicnot

Perfil

Desporto

Chelsea recebe luz verde para a construção do novo Stamford Bridge

© Andrew Couldridge / Reuters

O concelho londrino de Hammersmith & Fulham aprovou esta quinta-feira o projeto do Chelsea para a construção de um novo estádio Stamford Bridge, com uma capacidade para mais de 60.000 pessoas.

A equipa de futebol do sudoeste da capital britânica vai desembolsar 500 milhões de libras (572,5 milhões de euros) na demolição do atual recinto e na construção de um novo.

"Estamos muito contentes por termos recebido a autorização necessária para empreender a remodelação da nossa histórica casa", manifestou o Chelsea, em comunicado.

O clube salientou que a luz verde do concelho de Hammersmith & Fulham não significa que as obras possam começar de imediato.

"É um passo muito importante que é preciso dar antes de começarmos a trabalhar, mas ainda nos falta obter outras autorizações", pode ler-se na nota.

Na atualidade, o estádio Stamford Bridge, inaugurado em abril de 1877 e remodelado em duas ocasiões, uma na temporada 1904/1905 e outra na década de 1990, pode acolher pouco mais de 41.600 espetadores.

O Chelsea apresentou o projeto para a construção de um novo estádio a 01 de dezembro de 2015, mas só hoje recebeu a autorização do concelho londrino, onde está situado o estádio, para levar a cabo a demolição total do recinto e a edificação de um novo durante um período de três anos.

As obras obrigariam os "blues" a jogar fora daquela que foi a sua casa nos últimos 111 anos durante, pelo menos, três temporadas.

Os estádios de Wembley, situado no norte da capital britânica e com capacidade para 90.000 espetadores, e de Twickenham, a casa da seleção inglesa de râguebi localizado no sudoeste de Londres, são os recintos que o Chelsea está a analisar como hipóteses para disputar os seus encontros em casa enquanto a construção decorrer.

Lusa

  • Encontrado corpo da criança que desapareceu na praia de São Torpes
    0:55

    País

    O corpo da criança que tinha desaparecido na praia São Torpes, concelho de Sines, foi encontrado esta manhã fora de água, nas rochas, a 1,5 quilómetros do sítio onde tinha desaparecido, no passado dia 21. O alerta foi dado por um popular à Polícia Marítima, cerca das 8h00.

  • Não há aumentos salariais no Estado para o ano
    1:18

    Economia

    O ministro das Finanças confirma a alteração dos escalões de IRS em 2018. É uma das medidas prioritárias para o próximo ano, a par do descongelamento das carreiras na função pública. Numa entrevista à Antena 1, Mário Centeno admite que não vai haver aumentos salariais no Estado no próximo ano

  • Obrigada a vir dos EUA, de 3 em 3 semanas, para ver o filho
    2:00
  • Marcelo diz que Europa não deve contar com benevolência dos aliados 
    1:19

    País

    O Presidente da República concorda com Angela Merkel, que este domingo defendeu que a Europa já não pode confiar a 100% nos países aliados. Numa conferência sobre o futuro da Europa, Marcelo Rebelo de Sousa defendeu que a União Europeia tem de assumir responsabilidades e protagonismo e não pode contar com a iniciativa e a benevolência dos aliados.

  • Merkel sugere que a Europa já não pode contar com aliados como os EUA
    1:45

    Mundo

    Depois das cimeiras do G7 e da NATO,e sem nunca mencionar Donald Trump, a chanceler alemã diz que é tempo de cada país tomar conta do próprio destino. As declarações de Angela Merkel foram feitas em Munique numa ação de campanha da CDU e evidenciam incómodo em relação às posições manifestadas pelos EUA.