sicnot

Perfil

Desporto

Duarte Vale perde final de pares do Open da Austrália

O tenista português Duarte Vale, fazendo dupla com o neozelandês Finn Reynolds, perdeu esta sexta-feira a final de pares de juniores do Open da Austrália, primeiro torneio do Grand Slam do ano.

Duarte Vale, de 18 anos, e Finn Reynolds foram derrotados pelo par formado por Yu Hsiou Hsu, de Taiwan, e o chinês Lingxi Zhao, quarto cabeça de série, por 6-7 (8-10), 6-4 e 10-5, em hora e meia de encontro.

Esta foi a quarta final de Grand Slam da história do ténis português, todas em pares juniores, depois das três de Frederico Silva: duas ganhas com Kyle Edmund (US Open em 2012 e Roland Garros em 2013) e uma perdida ao lado Quentin Halys (US Open de 2013).

Apesar da derrota, este é o melhor resultado de Duarte Vale num torneio deste nível e poderá catapultá-lo para os 10 primeiros do 'ranking' de juniores, que combina os resultados de pares e singulares.

No quadro de singulares, em que era sexto pré-designado, Duarte Vale foi eliminado na quarta-feira, nos oitavos de final, pelo cipriota Menelaos Efstathiou, por 6-7 (2-7), 6-4, 6-4, depois de um longo encontro de duas horas e 31 minutos.

Lusa

  • Passos nega que resultado das autárquicas ponham em causa liderança do PSD
    7:46
  • PS e PSD trocam acusações sobre Tancos
    1:18
  • Homens vítimas de violência doméstica
    31:17
  • Marcelo mergulha na baía de Luanda
    0:45
  • Marcelo garante que relações com Angola "estão vivas"
    1:50

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa sublinhou esta segunda-feira as boas relações entre Portugal e Angola. À chegada a Luanda para a posse do novo Presidente angolano João Lourenço, o chefe de Estado português aproveitou para tomar um banho de mar.

  • Défice chegou aos 2.034 milhões em agosto
    1:51

    Economia

    O défice do Estado caiu 1.900 milhões de euros até agosto, em comparação com o ano passado. A recuperação da economia ajudou a baixar o défice, com mais receitas e impostos acima do esperado. Já a despesa pública ficou praticamente inalterada e os pagamentos do Estado em atraso subiram.

  • Morreu a egípcia que chegou a pesar 500 quilos

    Mundo

    A egípcia Eman Ahmed Abd El Aty, de 37 anos, que chegou a pesar 500 quilos, morreu num hospital de Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, devido a complicações cardíacas na sequência do seu excesso de peso.