sicnot

Perfil

Desporto

Al Sadd de Jesualdo Ferreira está eliminado da Liga dos Campeões asiática

© Amr Dalsh / Reuters

O Al Sadd, equipa do Qatar treinada por Jesualdo Ferreira, foi esta terça-feira eliminado na terceira eliminatória da Liga dos Campeões asiática de futebol, ao perder no desempate por grandes penalidades (4-3), na visita aos iranianos do Esteghlal TEH.

Com o espanhol Xavi no 'onze', o segundo classificado da do campeonato do Qatar não conseguiu impor-se ao campeão em título iraniano, num jogo em que o 0-0 perdurou até ao final do prolongamento.

Nas grandes penalidades, os homens da casa falharam apenas um remate, contra dois dos visitantes, tendo Heydari marcado o 4-3 final, que apura a equipa de Teerão para a fase de grupos da competição.

Antes, um golo de Ukra, aos 45+1 minutos, deu a vitória ao Al-Fateh frente aos uzbeques do NASAF, na estreia do internacional português pela equipa saudita, que segue para a fase de grupos da competição.

Também apurados para a próxima fase estão o Al Wahda, que bateu o Al Wehdat por 3-0 e o Bunyodkor, que eliminou o El Jaish no desempate por grandes penalidades.

Por seu lado, o treinador português André Villas-Boas estreou-se no Shanghai SIPG com uma vitória, ao bater os tailandeses do Sukhothai por 3-0, com golos dos brasileiros Oscar e Elkeson e um autogolo de Toopkhuntod.

Os japoneses do Gamba Osaka eliminaram o Johor Takzim, da Malásia, por 3-0, enquanto os sul-coreanos do Ulsan afastaram, na marcação de penáltis, o Kitchee, de Hong Kong.

Lusa

  • "Isto é a demagogia à solta"
    0:45

    Opinião

    Quem o diz é Luís Marques Mendes a propósito da aprovação esta semana da lei do CDS-PP que elimina o adicional do imposto sobre os combustíveis. O comentador da SIC critica a oposição por ter levado a votação uma lei inconstitucional e acusa ainda os parceiros de Governo de deslealdade. 

    Luís Marques Mendes

  • Comandante da Proteção Civil confiante nos meios de combate aos incêndios
    1:56

    País

    Depois das falhas apontadas ao sistema de comunicações SIRESP durante os incêndios do ano passado, o cComandante operacional da Proteção Civil diz que não há meios de comunicação infalíveis. Duarte Costa acredita que este verão será mais calmo do que anterior e contabiliza já mais de 2000 incêndios desde maio que não foram notícia.

  • Líderes europeus assinalam progressos para alcançar acordo sobre migrações
    2:02