sicnot

Perfil

Desporto

Selecionador argentino elogia "nível futebolístico" de Messi

O selecionador da Argentina, Edgardo Bauzá, que está na Europa a visitar os seus jogadores selecionáveis, elogiou esta quinta-feira o "nível futebolístico" que o avançado do Barcelona Lionel Messi tem apresentado nos últimos meses.

"Acho que o nível futebolístico de Messi tem sido muito bom nos últimos meses e espero que o consiga manter", comentou o ex-futebolista argentino, depois de assistir a um treino do Atlético de Madrid.

Bauzá visitou Itália para ver os jogadores argentinos que jogam na Juventus, Lazio e Inter Milão e depois passou por Barcelona, onde assistiu ao jogo entre FC Barcelona e Atlético de Madrid, para a Taça do Rei, que terminou com um empate a um golo, resultado que colocou os catalães na final da prova.

Desta partida, destacou o equilibrio entre os dois clubes espanhóis e o papel decisivo de Messi no golo do uruguaio Luis Suárez.Bauzá elogiou a condição física de Messi, sobretudo a flexibilidade do jogador argentino, o que lhe permite "jogar em qualquer posição".

"Começou o jogo como avançado e terminou como médio, quando ajudou o Suárez a marcar. Nós, como treinadores, estamos a tentar perceber em que posição ele [Messi] se sente mais cómodo", explicou o selecionador argentino.

Em relação à renovação de Messi com o clube catalão, Bauzá disse que esse tipo de decisões são muito pessoais e que a sua preocupação é que o jogador "jogue e esteja bem".

Lusa

  • Economia portuguesa a crescer
    2:26
  • Os likes dos candidatos às autárquicas no Facebook
    4:00

    Autárquicas 2017

    Se há mais de 5 milhões de portugueses no Facebook, é natural que as autárquicas também passem pela rede social mais usada no país e no mundo. A SIC apresenta-lhe os 10 candidatos cujas páginas têm mais seguidores e, para a comparação ser mais justa, os que têm mais seguidores em Portugal - porque há também quem estranhamente tenha milhares de fãs em países como Egito, Filipinas ou Vietname.

  • Embaixador do Bangladesh pede ajuda aos portugueses no caso dos rohingya

    Mundo

    O embaixador do Bangladesh em Lisboa pediu esta sexta-feira aos portugueses que ajudem a resolver o problema dos rohingya. Desde o final de agosto, mais de 400 mil pessoas desta minoria muçulmana fugiram de Myanmar, a antiga Birmânia. O Bangladesh já tinha acolhido outros 400 mil refugiados e vê-se agora a braços com esta crise migratória. Pede por isso a Portugal que pressione Myanmar para aceitar de volta e em segurança os rohingya.