sicnot

Perfil

Desporto

Turquia vai candidatar-se à organização do Euro 2024

A Turquia vai candidatar-se à organização do Campeonato da Europa de futebol de 2024, anunciou esta quarta-feira o presidente da federação turca (TFF), Yildirim Demirören.

"Desejo que a nossa candidatura seja bem-sucedida. A Turquia vai apresentar a sua candidatura em 02 de março", disse o líder da TFF, em conferência de imprensa, ao lado de ministro do Desporto, Akif Çagatay Kilic.

A Turquia tinha ponderado candidatar-se à organização do Euro2020, mas, após a decisão de disputar a competição em 13 cidades, preferiu focar-se na candidatura à edição de 2024.

O ministro do Desporto garantiu que o país está agora dotado das infraestruturas necessárias para acolher um evento da dimensão de um Europeu, "ao nível das estradas, aeroportos e pontes".

Desde a chegada ao poder, em 2003, o presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, avançou para a modernização de uma série de infraestruturas, no âmbito do projeto "Objetivo 2023", um plano que visa juntar o país ao grupo dos mais ricos do mundo.

No entanto, a Turquia terá de convencer a UEFA no que respeita à segurança no país, afetado por vários atentados perpetrados por jihadistas e curdos. Em julho de 2016, houve também uma tentativa de golpe de Estado.

Nesta 'corrida', a Turquia deverá ter como principal adversário a Alemanha, que já deu a entender que pretende utilizar as infraestruturas erguidas para o Mundial2006.

Eventualmente, poderá também avançar uma candidatura conjunta dos países escandinavos.Caso a Turquia convença a UEFA, que tomará uma decisão em setembro de 2018, este será o maior evento desportivo organizado pelo país, que já concorreu por três vezes à organização de um Europeu.

A derrota de Istambul para Tóquio para a organização dos Jogos Olímpicos de 2020 foi encarada como um revês traumático e uma humilhação para o governo liderado por Erdogan.

Lusa

  • "A vitória de Bruno de Carvalho pode ser uma vitória de Pirro"
    1:01
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    As eleições para a presidência do Sporting realizam-se no próximo sábado e os comentadores d'O Dia Seguinte avaliaram já as hipóteses de vitória dos candidatos. Rui Gomes da Silva considera que a gravação que implicava José Maria Ricciardi não vai influenciar a decisão de voto. Já Paulo Farinha Alves acredita que Bruno de Carvalho vai vencer a eleição. Contudo José Guilherme Aguiar avisa as eleições podem não trazer estabilidade ao Sporting.

  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26

    País

    A bomba que esta segunda-feira veio nas redes de um arrastão na Nazaré já foi detonada. O engenho explosivo foi identificado como uma bomba de avião por especialistas da Marinha, que eliminaram também o perigo equivalente a 600 quilogramas de TNT. A bomba sem qualquer inscrição tinha um desgaste evidente e, segundo a Marinha, pode ter sido largada de um avião durante a 2.ª Guerra Mundial.

  • SIC revela relatório que provava falência do GES
    2:06
  • Sócrates acusa Cavaco de conspiração
    0:57
  • Bastidores do sambódromo: um espétaculo à parte
    3:22
  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22
  • Como a maioria de Esquerda gere as votações
    2:15

    País

    A gestão entre os partidos é feita diariamente mas nem sempre PCP e Bloco de Esquerda têm votado ao lado do Governo. A SIC ouviu um politólogo, que diz que o objetivo é cada um salientar as diferenças que os separam do PS. No entanto, também há exemplos que provam que nenhum dos partidos quer pôr em causa a estabilidade política.