sicnot

Perfil

Desporto

Allegri diz que Juventus tem de fazer "um grande jogo" para eliminar o FC Porto

O treinador italiano Massimiliano Allegri disse que a Juventus precisa de fazer "um grande jogo" contra o FC Porto para se apurar para os quartos de final da Liga dos Campeões em futebol. Allegri explicou, na conferência de imprensa de antevisão da partida da segunda mão dos oitavos de final da competição, que o 2-0 conseguido na primeira mão, no Estádio do Dragão, não chega para chegar aos quartos, precisando para isso de uma vitória frente aos dragões.

"Espero uma equipa que sabe o que quer. Não será um jogo fácil, por isso teremos de estar concentrados e com a consciência de que precisamos de fazer um grande jogo para nos apurarmos", afirmou o italiano, de 49 anos, que disse ainda não querer considerar a vitória na primeira mão para conseguir "uma vitória caseira" numa competição "com um charme particular".

Quanto às opções táticas, Allegri revelou ainda que o médio italiano Marchisio, que estava em dúvida, vai alinhar como titular ao lado de "Sami Khedira ou Pjanic", apontou, enquanto Chiellini continuará "em avaliação" até à hora do jogo.O técnico recordou ainda o 'play-off' de acesso à Liga dos Campeões, em que o FC Porto eliminou a Roma depois de os italianos terem saído em vantagem da primeira mão no Dragão, através de um empate a um, para explicar que a equipa de Nuno Espírito Santo "sabe preparar-se para estes jogos" e pode eliminar a 'Velha Senhora'.

"Amanhã (terça-feira), temos de controlar o jogo, pensar que é um jogo único e não pensar no resultado da primeira mão. Estes jogos têm muitos riscos, nunca os podemos dar como garantidos, e a Juventus terá de fazer um grande jogo. O FC Porto vai fazer um jogo diferente, já mostrou com a Roma que sabe jogar estes jogos", acrescentou.

O avançado argentino Paulo Dybala compareceu na conferência de imprensa e explicou que a equipa italiana, que não perde em casa em todas as competições desde agosto de 2015, há 46 jogos, sabe "como ataca o Porto" e tem como objetivo "não sofrer golos"."Sofrer um golo não está nos nossos planos.

Se acontecer, temos de continuar o jogo e não deixar que nos marquem mais nenhum, mas não queremos sofrer. Temos uma defesa forte, somos 11 a defender sem posse de bola e sabemos como ataca o Porto", sentenciou o jogador, de 23 anos, que disse ainda que ganhar a 'Champions' "seria algo incrível" e que está ao alcance dos italianos.

O romeno Ovidiu Hategan será o árbitro do desafio da segunda mão dos oitavos de final, que se disputa às 19:45 de terça-feira, em Turim.

  • A promessa que João Mário vai ter de cumprir se Portugal for campeão
    1:36

    Rumo ao Mundial 2018

    Oito jogadores da seleção participaram num evento em que responderam às dúvidas de jovens adeptos, em Lisboa. Os jogadores mostraram-se otimistas pelo caminho que têm em frente. Já João Mário foi confrontado com a promessa que não cumpriu de deixar crescer o cabelo se Portugal vencesse o Euro 2016. Agora, faz uma nova promessa: se Portugal for campeão mundial, deixa crescer o cabelo à Fellaini.

  • Estudo acaba com teorias da conspiração sobre a morte de Hitler

    Mundo

    Existem algumas versões sobre o desaparecimento do ditador nazi, Adolf Hitler. Há quem diga que viajou para um país da América do Sul, outros acreditam que está escondido na Antártida e há até quem vá mais longe e acredita que estaria na Lua. Mas, teorias da conspiração à parte, a história oficial diz que Hitler suicidou-se num bunker, em Berlim, Alemanha.

    SIC

  • Universidade de Coimbra não retira Honoris Causa a Lula da Silva
    3:30