sicnot

Perfil

Desporto

Rummenigge diz que Bayern foi prejudicado e pede video-árbitro

Denis Balibouse

O presidente do Conselho Diretivo do Bayern Munique, Karl-Heinz Rummenigge, pediu a implementação do vídeo-árbitro e criticou o juiz húngaro Viktor Kassai, que dirigiu o jogo de terça-feira com o Real Madrid, da Liga dos Campeões de Futebol.

Depois da eliminação nos quartos de final da "Champions", depois da derrota por 4-2, após prolongamento, Rummenigge disse que Kassai prejudicou o clube alemão e que algumas decisões teriam sido corrigidas com o vídeo-árbitro.

Para o dirigente, a expulsão de Arturo Vidal, por acumulação de cartões amarelos, e dois dos três golos marcados por Cristiano Ronaldo, em fora de jogo, "condicionaram extremamente" o resultado.

Apesar de ter considerado o encontro "um espetáculo extremamente emocionante", Rummenigge disse que o trabalho do árbitro "deixou alguns jogadores desolados".

"Depois de ver como jogaram Hummels, Boateng, Lewandowski e Manuel Neuer, só posso tirar o chapéu pelo excelente futebol que praticaram. Infelizmente, algumas decisões do árbitro condicionaram extremamente o nosso trabalho. Estou furioso. Fomos prejudicados", frisou Rummenigge.

Lusa

  • Quem é Elon Musk?
    9:42
  • "Bashar Al-Assad continua a fazer tudo o que quer contra o seu próprio povo"
    0:48
  • A história da neta de um dos mais cruéis comandantes da II Guerra Mundial
    3:20