sicnot

Perfil

Desporto

FC Barcelona e Real Madrid vencem e continuam empatados na Liga espanhola

Paul Hanna

FC Barcelona e Real Madrid adiaram este domingo a decisão da liga espanhola de futebol, ao vencerem, respetivamente, o Las Palmas e o Sevilha, por 4-1, em jogos da 37.ª jornada.

Os catalães, que viajaram até Las Palmas e ganharam por 4-1, com um 'hat-trick' do brasileiro Neymar (25, 67 e 71 minutos) e um golo do uruguaio Luis Suárez (27) -- Bigas, aos 63, marcou o da equipa da casa - mantêm-se na liderança do campeonato espanhol, com 87 pontos, os mesmos dos madrilenos, que têm menos um jogo.

O Real Madrid continua a ser uma séria ameaça às pretensões do FC Barcelona, depois de hoje ter batido o Sevilha, por 4-1, no Santiago Bernabéu, com um 'bis' de Cristiano Ronaldo (23 e 78). Nacho (10) fez o primeiro dos 'madridistas' e Toni Kroos (83) completou a goleada, com Jovetic assinar o golo de honra dos visitantes (49).

Na quarta-feira, a equipa de Madrid visita Vigo para defrontar o Celta, no jogo em atraso, e, em caso de vitória, passará a liderar o campeonato espanhol com uma ronda por disputar.

Lusa

  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.

  • G7 reforça compromisso na luta contra o terrorismo
    2:11