sicnot

Perfil

Desporto

Bruno de Carvalho defende descida de divisão do Benfica

Bruno de Carvalho defende descida de divisão do Benfica

Bruno de Carvalho diz que vai acompanhar os adeptos do Sporting até ao Estádio da Luz para assistir ao dérbi dentro da caixa de segurança destinada aos adeptos da equipa visitante. Em entrevista ao jornal Record, o presidente do Sporting defende que o caso dos e-mails deveria resultar na descida de divisão do Benfica.

  • "Isto é uma afronta ao coração do Benfica"
    1:18

    Desporto

    Rui Vitória considerou esta terça-feira que as recentes suspeitas sobre viciação de resultados em jogos do Benfica são "uma afronta ao coração" do clube. Na conferência de imprensa de antevisão do dérbi, o técnico dos encarnados defendeu que é altura dos benfiquistas marcarem uma posição.

  • Um dérbi mais decisivo para o tetracampeão

    Desporto

    O Benfica pode igualar na quarta-feira o Sporting na I Liga de futebol, mas o rival lisboeta tem a possibilidade de deixar o tetracampeão à considerável distância de seis pontos, caso se imponha no dérbi da 16.ª jornada.

  • Previsão de queda de neve amanhã em 10 distritos

    País

    Dez distritos de Portugal continental vão estar na quinta-feira sob aviso amarelo devido à previsão de queda de neve, indicou hoje o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA). Os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Vila Real, Aveiro, Bragança, Guarda, Viseu, Castelo Branco e Coimbra vão estar a partir das 6:00 e até ao final do dia sob aviso amarelo devido à previsão de queda de neve acima dos 1.200/1.400 metros, descendo a cota para 800 metros.

  • Sismo de 3,1 com epicentro a 8 km de Almodôvar

    País

    Um sismo de magnitude 3,1 na escala de Richter com epicentro a cerca de oito quilómetros a nordeste de Almodôvar, distrito de Beja, foi hoje sentido no continente, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

  • ADSE quer poupar 29 milhões com nova tabela de preços
    2:50

    Economia

    A nova tabela de preços - que a ADSE quer que entre em vigor a 1 de março - pretende poupar 29 milhões de euros, nos cuidados de saúde prestados fora das unidades públicas aos funcionários do Estado. Os hospitais privados consideram a proposta irreal e ameaçam pôr fim aos acordos com a ADSE.

  • Paris afetada por praga de ratos
    1:03