sicnot

Perfil

Economia

PS defende que ministra das Finanças deve pedido de desculpas aos portugueses

O PS defendeu hoje que a ministra das Finanças, Maria Luís Albuquerque, "deve um pedido de desculpas aos portugueses" depois de ter voltado "a apelar explicitamente à emigração" de jovens licenciados desempregados.

MANUEL TELES (Lusa)

"É insultuoso que um membro do Governo volte a apelar explicitamente à emigração de jovens desempregados (...) A ministra das Finanças, Maria Luís Albuquerque, deve um pedido de desculpas aos portugueses, aos que estão no país e aos milhões que vivem no estrangeiro porque lhes foi negada uma vida decente em Portugal", afirmou Paulo Pisco, deputado do PS eleito pelo círculo da Europa, em comunicado enviado à Lusa. 

Maria Luís Albuquerque afirmou a 28 de fevereiro, em Mirandela, no lançamento de um livro de um eurodeputado do PSD: "Temos de encarar de uma forma mais relativizada aquilo que é o fenómeno da movimentação dos jovens à procura de oportunidades por esse mundo fora. Hoje um jovem que acaba uma licenciatura tem um mundo à sua disposição".

As declarações da ministra são, para Paulo Pisco, "a prova de que o apelo à emigração sempre fez parte da doutrina do Governo".

"Nunca é demais recordar que o próprio Passos Coelho apelou à emigração e que um eurodeputado do PSD, Paulo Rangel, até chegou a defender a criação de uma agência nacional para a emigração", em dezembro de 2011, frisou.

Segundo o deputado socialista, "quando a ministra das Finanças apela à emigração de jovens diplomados, nem sequer lhe passa pela cabeça que o destino de muitos é acabarem em trabalhos indiferenciados ou sem qualquer relação com a sua formação, o que é uma tremenda frustração do ponto de vista pessoal e um enorme desperdício de recursos a nível nacional".

Paulo Pisco criticou o Governo por, agindo "com a maior das ligeirezas", parecer "nem se dar conta de que a emigração é sempre a maior evidência do fracasso de uma sociedade que não consegue criar oportunidades para os seus cidadãos, obrigando-os a partir sem saberem aquilo que o futuro lhes reserva".

"Nem tão pouco se preocupa com o gravíssimo problema demográfico que o país atravessa e que a emigração de jovens só agrava", prosseguiu, acrescentando que "só um Governo sem alma nem sentido da história, que ignora a ferida ainda aberta da dramática emigração dos anos 1960 e 1970, pode fazer da emigração um desígnio nacional, o que revela bem o desprezo que tem pelos portugueses".

"A ministra das Finanças e o Governo devem um pedido de desculpas aos portugueses", insistiu o deputado socialista.


Lusa

  • Militar ferido com gravidade em acidente com Pandur
    1:19

    País

    O acidente em Vila Real que envolveu uma viatura militar fez três feridos. Uma das vítimas ficou em estado grave e teve de ser transportada de helicóptero para o Hospital Santo António do Porto. O militar ficou encarcerado no veículo blindado, o que dificultou os trabalhos de socorro.

  • Ricardo Salgado constituído arguido e interrogado no DCIAP
    2:46

    Operação Marquês

    O ex-presidente do BES está a ser ouvido no DCIAP, a responder às questões do procurador Rosário Teixeira e do inspetor da Autoridade Tributária Paulo Silva. Têm sido levantadas dúvidas quanto ao dinheiro em contas de Carlos Santos Silva, amigo de José Sócrates, e suspeita-se que grande parte desses 20 milhões de euros tenham vindo de sociedades com ligação ao grupo Espírito Santo.

  • Bebé nasce na Ucrânia com ADN de três pais

    Mundo

    Nasceu a 5 de janeiro, na Ucrânia, uma menina filha de um casal infértil graças à ajuda de uma nova técnica de fertilização in vitro, que conta com a colaboração de uma terceira pessoa. De acordo com o britânico The Times, os médicos utilizaram pela primeira vez um método denominado transferência pronuclear. Esta não é, contudo, a primeira vez que nasce um bebé com ADN de três progenitores.

  • CIA desvenda segredos de quase 50 anos de História

    Mundo

    A CIA publicou online quase 12 milhões de documentos confidenciais. Basta uma ligação à Internet para navegar por entre 50 anos de relatórios outrora secretos. Entre os milhões de páginas, estão documentos sobre um eventual assassínio de Fidel Castro, detalhes sobre os crimes de guerra nazis, relatórios sobre avistamentos de OVNI e um estudo sobre telepatia denominado "Projeto Star Gate".