sicnot

Perfil

Economia

OPEP revê ligeiramente em alta a procura de petróleo em 2015

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) reviu hoje em alta ligeira a sua previsão de procura de crude para 2015 e indicou que o mercado mundial continua a ter uma oferta excessiva, no relatório mensal divulgado hoje. 

reuters

A organização, responsável por 30% da produção mundial, aumentou em 60 mil barris por dia a sua previsão de procura para este ano, o que terá apenas um efeito marginal no volume global médio da procura que é de 92,5 milhões de barris por dia, segundo as previsões.

A OPEP, que realiza uma reunião ministerial no próximo dia 5 de junho, fixou uma quota de produção de 30 milhões de barris por dia, mas em abril esta quota foi ultrapassada e fixou-se em 30,84 milhões de barris por dia, segundo o relatório.

Apesar de haver um excedente mundial da ordem de 1 milhão de barris por dia, a OPEP recusa-se a um ajustamento, uma posição que tem sido defendida pela Arábia Saudita.

Na segunda-feira, o ex-ministro do petróleo do Qatar Abdallah al-Attiyah considerou que a ideia de o barril de petróleo atingir 100 dólares, o nível registado antes da queda dos preços, deve ser afastada e considerou que os preços devem estabilizar em cerca de 60 ou 70 dólares.











Lusa
  • "Até para o ano", a mensagem de Ronaldo para os adeptos do Real Madrid
  • Despenalização da eutanásia votada na terça-feira no Parlamento
    2:04
  • Há companhias aéreas a contratar. TAP é uma delas
    1:28

    Economia

    Com o crescimento do turismo, que continua a bater recordes, as companhias aéreas querem profissionais para reforçar as rotas com maior procura e oferecer novos destinos. Só a TAP prevê contratar mais 700 pessoas este ano para várias funções, incluindo 300 tripulantes de cabine e 170 pilotos.

  • O bombeiro herói que recebe 267 euros de pensão
    2:36
  • Funcionários dos EUA na Coreia do Norte para preparar cimeira
    2:19