sicnot

Perfil

Economia

Economia no 1º trimestre cresce mais 1,4% que no ano passado

A economia portuguesa cresceu 1,4% no primeiro trimestre deste ano em termos homólogos e 0,4% face ao trimestre anterior, segundo a estimativa rápida das Contas Nacionais Trimestrais, hoje divulgada pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INE).

© Carlos Garcia Rawlins / Reuters

Os dados hoje divulgados estão em linha com os valores mais baixos apresentados pelos analistas, que oscilavam entre uma recuperação de 1,4% e 1,7% em termos homólogos, no caso do BPI e do Montepio, enquanto o Núcleo de Estudos sobre a Conjuntura da Economia Portuguesa (NECEP) da Universidade Católica previa uma melhoria de 2,1%. 

Estes analistas do BPI e do Montepio tinham igualmente antecipando um crescimento económico em cadeia entre 0,4% e os 0,5%, ao contrário dos analistas do BBVA e do NECEP que previam um crescimento mais expressivo, entre os 0,9% e o 1%.

O INE justifica que a aceleração de 1,4% em volume do Produto Interno Bruto (PIB) no primeiro trimestre de 2015, em termos homólogos, "esteve associada ao aumento do contributo da procura externa líquida", em resultado do "abrandamento das importações de bens e serviços e da aceleração das exportações de bens e serviços". 

O crescimento de 1,4% compara com a variação de 0,6% atingida no quarto trimestre de 2014.

O INE explica ainda que o aumento de 0,4% em termos reais no primeiro trimestre, face ao anterior, reflete o contributo positivo da procura interna e lembra que esta variação foi idêntica à verificada nos últimos três meses de 2014, face ao trimestre precedente.

"Esta estimativa rápida tem implícito um ganho de termos de troca superior ao observado no trimestre anterior, sendo o deflator das importações significativamente negativo, refletindo nomeadamente a redução dos preços dos bens energéticos", lê-se no documento.

O gabinete de estatísticas reforça que a procura interna apresentou "um contributo positivo menos significativo" no primeiro trimestre, em termos homólogos, devido "ao acentuado contributo negativo da variação de existências", mas destaca que face ao trimestre anterior, o crescimento do PIB "traduziu o contributo positivo da procura interna".

Esta estimativa rápida, detalha o INE, incorpora revisões na informação de base utilizada, nomeadamente decorrentes da utilização dos dados mais recentes do comércio internacional de bens, com revisões em termos nominais e ao nível dos deflatores para o quarto trimestre de 2014. 

Além disso, inclui a revisão para o ano de 2014 dos indicadores de curto prazo, informação nova que implicou uma revisão em baixa de 0,1 pontos percentuais nas taxas de variação homóloga e em cadeia do PIB para o quarto trimestre de 2014, explica.

Os resultados correntes das Contas Nacionais Trimestrais do primeiro trimestre de 2015 serão divulgados no próximo dia 29 de maio de 2015, diz o INE.

O Eurostat apresenta também hoje os dados referentes à evolução do PIB dos países da União Europeia.


Lusa
  • Negócios do Fogo
    22:00
  • Direção da Raríssimas na Madeira demitiu-se em setembro
    1:58

    País

    Três representantes da Raríssimas na ilha da Madeira demitiram-se, em setembro, de costas voltas para a direção. A delegação da instituição na ilha começou em 2015 e fechou com as três demissões. Em entrevista à SIC, uma das antigas delegadas afirmou que todos os fundos angariados foram para a sede, em Lisboa, ficando depois sem dinheiro para pagas as despesas.

  • Deputado do PSD recusa vice-presidência da Raríssimas
    1:58

    País

    Nas reações políticas ao caso da Raríssimas, o PSD e CDS dizem que é preciso acionar todos os mecanismos legais apropriados para averiguar a situação. O deputado social-democrata, Ricardo Baptista Leite, que tinha sido convidado recentemente para vice-presidente da instituição, diz que já não há condições para tomar posse.

  • Presidente da Câmara de Nova Iorque confirma "atentado terrorista falhado"
    0:29
  • Israel volta a bombardear posições do Hamas em Gaza

    Mundo

    O exército israelita voltou a bombardear esta segunda-feira posições do movimento Hamas na Faixa de Gaza em resposta ao lançamento de projéteis em direção a Israel pelas milícias palestinianas, informou um comunicado militar.

  • A brincadeira de um youtuber que podia ter acabado mal

    Mundo

    Um jovem youtuber inglês enfiou a cabeça num saco de plástico, prendeu-a na parte interna de um microondas e encheu depois o eletrodoméstico com cimento. A brincadeira, que podia ter acabado de forma trágica, deixou o jovem completamente preso e obrigou à intervenção dos serviços de emergência.

    SIC

  • "Popeye" russo pode ter que amputar braços

    Mundo

    Um jovem russo injetou um óleo no corpo para conseguir ter músculos, mais propriamente nos seus braços, que já cresceram cerca de 25 centímetros. Contudo, segundo um médico, o procedimento pode levar à necessidade de amputação, deixando o jovem sem os membros.