sicnot

Perfil

Economia

Tabaco ilegal gera perdas diárias de 100 milhões de euros em impostos

O consumo de tabaco ilícito, equivalente a 12% do comércio do produto, provoca perdas diárias de 110 milhões de dólares (100 milhões de euros) aos países do mundo, revelou sexta-feira o grupo "British American Tobacco" na Guatemala.

© Aly Song / Reuters

Jerome Abelman, diretor de assuntos jurídicos da empresa produtora de tabaco, classificou a problemática como "transnacional e de múltiplas facetas" e acrescentou que segundo as suas estimativas "em matéria de impostos não pagos aos governos, os custos da venda ilícita de tabaco gera um 'prejuízo' de 50.000 milhões de dólares (45.500 milhões de euros) anuais".

Em comunicado, a organização enfatizou que as vendas ilegais de tabaco são financiadas por atividades como o tráfico de pessoas, drogas e armas e através de redes terroristas.

Por isso, sustenta a "British American Tobacco", o combate ao comércio ilegal de tabaco requer um compromisso maior dos governos e dos organismos encarregues de fazer cumprir a lei.

O tabaco ilegal integra produtos genuínos vendidos por contrabando, marcas brancas e cigarros falsificados.

No domingo é celebrado o Dia Mundial Sem Tabaco, estabelecido pela Organização Mundial de Saúde e cujo tema principal este ano é o comércio ilegal de tabaco.


Lusa
  • Passos elogia escolha de Paulo Macedo mas diz que não é suficiente
    1:47

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho diz que Paulo Macedo é competente para liderar os destinos da Caixa Geral de Depósitos, mas que a nomeação do antigo ministro não é suficiente para passar uma esponja sobre o assunto. Em Viseu, o líder do PSD não quis ainda avançar com um nome para a Câmara de Lisboa, depois de Santana Lopes afastar a hipótese de se candidatar.

  • O impacto e as consequências do referendo em Itália
    1:02
  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.