sicnot

Perfil

Economia

Juros da dívida de Portugal a subir em todos os prazos, pressionados pela crise na Grécia

Os juros da dívida de Portugal estavam hoje a subir a dois, cinco e dez anos, alinhados com os da Irlanda, Itália e Espanha, fortemente pressionados pela crise na Grécia.        

© Rafael Marchante / Reuters

Os juros da Grécia a dois e dez anos estavam hoje, cerca das 09:10 em Lisboa, a subir para 38,699% e 15,298%, respetivamente. 

Hoje, cerca das 09:10 em Lisboa, os juros da dívida portuguesa a dez anos estavam a subir para 3,116%, contra 3,083% na segunda-feira e depois de terem subido até aos 3,253% a 15 de junho, um máximo desde meados de outubro. O atual mínimo de sempre é de 1,560% e foi registado a 13 de março passado.                                                                                                      

No mesmo sentido, os juros a cinco anos estavam a subir, para 1,773%, contra 1,710% na segunda-feira, depois de terem subido a 16 de junho até aos 1,927%, um máximo desde meados de outubro de 2014, e descido para o mínimo de sempre, de 0,749%, a 10 de abril.         

Os juros a dois anos também estavam a subir para 0,121%, contra 0,114% na segunda-feira, mas abaixo do máximo dos últimos seis meses, de 0,506%, registado a 7 de janeiro.      

O atual mínimo de sempre dos juros a dois anos, de 0,013%, foi atingido a 13 de abril passado.     

Os juros das dívidas soberanas europeias estão a ser pressionados para a alta devido à ausência de acordo entre a Grécia e os credores internacionais, que pode desencadear a saída de Atenas da zona euro, e mais do que anular o programa de estímulos em curso do Banco Central Europeu. 

Depois de ter iniciado a 09 de março passado um programa inédito de compra de dívidas soberanas e privadas, que vai permitir a injeção de 60 mil milhões de euros por mês, até, pelo menos, setembro de 2016, na economia da zona euro, na esperança de a redinamizar, o Banco Central Europeu (BCE) manteve as taxas de juro inalteradas em mínimos na última reunião de política monetária de 03 de junho.              

Uma eventual saída da Grécia da zona euro pode afetar negativamente Portugal, que a 17 de maio de 2014 abandonou oficialmente o resgate sem qualquer programa cautelar.

O programa de ajustamento pedido por Portugal à 'troika' (Comissão Europeia, Banco Central Europeu e Fundo Monetário Internacional), no valor de 78 mil milhões de euros, esteve em vigor durante cerca de três anos.

Hoje, os juros da dívida soberana da Irlanda estavam a subir em todos os prazos, bem como os de Itália e de Espanha. 

Juros da dívida soberana em Portugal, Grécia, Irlanda, Itália e Espanha cerca das 09:10:

2 anos... 5 anos... 10 anos 

Portugal 

30/06..... 0,121......1,773....3,116

29/06..... 0,114......1,710....3,083

Grécia 

30/06.....38,699.....n disp...15,298

29/06.....38,417.....n disp...15,078

Irlanda

30/06.......0,169....0,665.....1,680

29/06.......0,155....0,646.....1,664

Itália

30/06......0,478......1,308....2,397

29/06......0,453......1,283....2,391

Espanha

30/06......0,469......1,175....2,361

29/06......0,460......1,150....2,347

Fonte: Bloomberg Valores de 'bid' (juros exigidos pelos investidores para comprarem dívida) que compara com fecho da última sessão.

 

 

Lusa

  • Avião cruza-se com drone a 900 metros de altitude
    2:01
  • Depois do Fogo
    23:30
  • "A culpa morre sozinha?"
    0:41

    Opinião

    Luís Marques Mendes não acredita que o Ministério Público não formule uma acusação de homicídio por negligência e que não haja demissões na sequência do incêndio de Pedrógão Grande. O comentador da SIC debateu o tema este domingo no Jornal da Noite da SIC.

    Luís Marques Mendes

  • Naufrágio na Colômbia registado em vídeo
    2:11
  • Pagar IMI a prestações e um Documento Único Automóvel mais pequeno

    País

    O programa Simplex + 2017 é apresentado hoje à tarde e recebeu mais de 250 propostas de cidadãos ao longo dos últimos meses. As novas medidas preveem o pagamento em prestações do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) e a criação de um simulador de custos da Justiça, que devem estar em vigor no próximo ano.

  • O último adeus a Miguel Beleza

    País

    O velório do economista e ex-ministro das Finanças realiza-se esta segunda-feira na Igreja do Campo Grande, em Lisboa, a partir das 18h00.

  • Trump quebra tradição da Casa Branca com 20 anos

    Mundo

    Donald Trump decidiu não fazer um jantar de celebração pelo fim do Ramadão, o mês em que os muçulmanos cumprem jejum entre o nascer e o pôr do sol. O Presidente dos Estados Unidos quebrou a tradição da Casa Branca, pela primeira vez em 20 anos.