sicnot

Perfil

Economia

Bruxelas acusa MasterCard de aumentar custos dos pagamentos com cartões

A Comissão Europeia considerou hoje que a MasterCard impõe taxas demasiado altas aos seus clientes, aumentando artificialmente os custos dos pagamentos com cartões.

© Daniel Munoz / Reuters

Bruxelas publicou hoje o parecer preliminar sobre a investigação que tem em curso à MasterCard, uma das maiores empresas mundiais de cartões de pagamentos, em que considera que a empresa norte-americana pode estar a violar leis da concorrência europeias.

"Muitos consumidores utilizam cartões de pagamento quotidianamente para comprar alimentos, roupas ou para fazerem compras na Internet. Atualmente suspeitamos que a MasterCard aumenta de forma artificial os custos dos pagamentos por cartão o que seria prejudicial para consumidores e retalhistas da União Europeia", disse a comissária responsável pela Concorrência, Margrethe Vestager, citada em comunicado.

Depois desta etapa de comunicação de objeções por Bruxelas, a MasterCard pode responder às acusações. Depois disso, se a Comissão Europeia confirmar a avaliação preliminar aplica uma multa à empresa.

Bruxelas está preocupada quer com as regras que a MasterCard aplica às operações transfronteiras no interior da União Europeia (UE), por considerar que a empresa impede os bancos de darem 'taxas de intercâmbio' mais baixas aos seus clientes, quer com as taxas cobradas aos retalhistas por receberem pagamentos efetuados com cartões MasterCard emitidos fora da Europa. 

As 'taxas de intercâmbio' variam bastante consoante o Estado-membro. Uma das preocupações da Comissão é que as regras da MasterCard impedem que os retalhistas de um país com taxas de intercâmbio mais altas beneficiem de taxas de intercâmbio mais baixas oferecidas por um banco adquirente situado noutro Estado-membro, restringindo as práticas concorrências.

A segunda preocupação da Comissão tem a ver com as elevadas 'taxas de intercâmbio inter-regionais' da MasterCard. Estas taxas são pagas por um banco adquirente para as operações efetuadas na UE com cartões MasterCard emitidos noutras regiões do mundo. 

Bruxelas explica que, por exemplo, "as taxas pagas por um banco adquirente quando um turista chinês utiliza o seu cartão para pagar a conta do restaurante em Bruxelas são até cinco vezes superiores às de um consumidor que utiliza um cartão emitido na Europa". 

Esta atitude da MasterCard eleva os preços para os retalhistas e, logo, os preços dos produtos e serviços para os consumidores, afirma Bruxelas.

Além deste inquérito à MasterCard, decorre ainda um outro na Comissão Europeia sobre as taxas de intercâmbio inter-regionais à Visa.

Lusa

  • Marco Silva vai treinar o Watford

    Desporto

    O treinador português Marco Silva assinou contrato com o Watford, da Liga Inglesa. O emblema que terminou a última Premier League na 17ª posição, a última antes dos lugares de descida, ganhou assim a corrida ao Crystal Palace e ao FC Porto, que também tentaram contratar o técnico.

  • "A maior conquista foi construir estabilidade"
    2:14

    Economia

    António Costa voltou esta sexta-feira a garantir que a partir de junho nenhum subsídio de desemprego será inferior a 421 euros por mês. O primeiro-ministro falava nas jornadas parlamentares do PS, onde afirmou que a estabilidade é a maior conquista deste Governo.

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.

  • G7 reforça compromisso na luta contra o terrorismo
    2:11
  • Uma foto para a história

    Mundo

    As mulheres dos líderes mundiais que se reúnem nas cimeiras da NATO posam para a fotografia oficial das primeiras-damas. A deste ano é histórica. Pela primeira vez, há um marido de um primeiro-ministro entre as nove mulheres. Trata-se de Gauthier Destenay, casado com o líder do Luxemburgo.