sicnot

Perfil

Economia

Produção automóvel caiu 3,6% no primeiro semestre face ao período homólogo

A produção automóvel em Portugal caiu 3,6% no primeiro semestre deste ano relativamente ao período homólogo do ano anterior, divulgou esta quinta-feira a Associação Automóvel de Portugal (ACAP).

(Arquivo)

(Arquivo)

SIC

Apesar de no mês de junho a produção automóvel ter sido 4% superior à do mesmo mês de 2014, esta melhoria não foi suficiente para evitar uma queda acumulada de 3,6% no conjunto dos seis meses deste ano.

No primeiro semestre deste ano, foram produzidos 87.502 carros (entre ligeiros de passageiros, comerciais ligeiros e veículos pesados), abaixo dos 90.742 produzidos no mesmo período de 2014.

Do total de veículos produzidos até junho, 96,2% (84.207) destinaram-se à exportação, menos 4,1% do que os veículos exportados no período homólogo de 2014. 

A ACAP escreve no comunicado que a Alemanha absorveu 27,6% dos veículos que Portugal exportou, seguida de Espanha (13,7%) e do Reino Unido (9,9%). 

O total da União Europeia absorveu 76,6% dos veículos exportados, enquanto o total da Ásia representou 15,1%, sendo que a China ascendeu a 12,9% das exportações.

No mês de junho, descreve a ACAP, observaram-se variações positivas no setor dos automóveis ligeiros de passageiros (+9,7%) e dos veículos pesados (+7,5%), sendo de realçar que a produção de veículos pesados continua em crescimento desde o início do ano.

"Já a produção de veículos comerciais ligeiros evidenciou uma evolução desfavorável, tendo caído 11,7% no mês em causa", aponta a associação.

Lusa

  • O percurso dos rendimentos de Ronaldo
    3:43

    Football Leaks

    O Ministério das Finanças espanhol abriu uma investigação a Cristiano Ronaldo, por eventuais irregularides na declaração dos rendimentos da publicidade. A Gestifute, empresa do agente do avançado do Real Madrid, garante que Ronaldo tem os impostos em dia. A investigação aos documentos extraídos da plataforma informática Football Leaks, liderada pela revista alemã Der Spiegel, e da qual faz parte o jornal Expresso, conseguiu traçar o percurso dos rendimentos do melhor jogador do mundo.

  • Fábio Coentrão investigado por suspeita de delitos fiscais
    3:37

    Football Leaks

    O Ministério Público de Madrid acusou o defesa português Ricardo Carvalho de evasão fiscal e está a investigar Fábio Coentrão por eventuais delitos fiscais. Além dos dois portugueses a justiça acusou ainda o espanhol Xabi Alonso, o argentino Ángel Di María e investiga o colombiano Falcão. As investigações surgem depois da revelação do caso Football Leaks, investigada pelo Expresso e pelo consórcio europeu de jornalistas que tiveram acesso a milhões de documentos.