sicnot

Perfil

Economia

Supremo Tribunal de Justiça confirma condenação do Santander a devolver dinheiro de Swap

O Supremo Tribunal de Justiça confirmou esta terça-feira a nulidade de um contrato Swap celebrado entre o Santander Totta e a Fábrica de Papéis dos Cunhas. O Supremo confirma assim a decisão tomada no início do ano de condenar o banco ao pagamento de quase 2,5 milhões de euros à empresa da Lousada.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Andrea Comas / Reuters

O banco já não pode recorrer, mas, ao que a SIC apurou, está a ponderar pedir a uniformização de jurisprudência. Na prática, trata-se de um pedido de clarificação ao tribunal, uma vez que o mesmo Supremo decidiu em sentido diferente noutros dois casos que envolviam Swap do Santander.

O contrato Swap em causa, nesta decisão, foi considerado especulativo e nulo, uma vez que não tinha associado um contrato de empréstimo, como é habitual.

  • Santander condenado a devolver dinheiro de contrato Swap
    1:57

    Economia

    O banco Santander foi condenado a pagar mais de dois milhões de euros a uma empresa de Lousada. O Supremo Tribunal de Justiça confirmou uma decisão que já tinha sido tomada pela relação. Em causa estão 3 contratos Swap, considerados especulativos e tóxicos, que prejudicaram a empresa de produção de papel.

  • O fim do julgamento do caso BPN, seis anos depois
    2:26

    País

    O antigo presidente do BPN José Oliveira Costa tentou adiar o fim do julgamento principal do caso com um recurso para o Tribunal Constitucional. Apesar disso, a leitura do acórdão continua marcada para esta quarta-feira, quase seis anos e meio depois de os 15 arguidos se terem sentado pela primeira vez no banco dos réus.

  • José Oliveira Costa, o rosto do buraco financeiro do BPN
    3:04

    País

    José Oliveira Costa foi o homem forte do BPN durante 10 anos e tornou-se o rosto do gigantesco buraco financeiro. Manteve-se em silêncio durante todo o julgamento, mas falou aos deputados da comissão de inquérito, para negar qualquer envolvimento no escândalo que fez ruir o BPN.

  • Saída do Procedimento por Défice Excessivo marca debate no Parlamento
    1:40
  • Filhos tentam anular casamento de pai de 101 anos

    País

    O casamento de um homem de 101 anos com uma mulher com metade da idade, em Bragança, está a ser contestado judicialmente pelos filhos do idoso, que acusam aquela que era empregada da família de querer ser herdeira.