sicnot

Perfil

Economia

Número de beneficiários do RSI desceu para cerca de 209 mil em junho

O número de beneficiários do Rendimento Social de Inserção (RSI) desceu para 208.974 em junho, representando menos 1.130 beneficiários do que o registado do mês anterior, segundo as últimas estatísticas do Instituto de Segurança Social.

(Reuters/Arquivo)

De acordo com os dados publicados hoje na página na Internet do Instituto de Segurança Social, que dizem respeito números contabilizados até 01 de julho, o número de beneficiários em junho caiu 0,5% (menos 1.130) face ao mês anterior (210.104).

A queda verifica-se também face ao período homólogo: No final de junho do ano passado eram 218.179 os beneficiários do RSI, o que significa uma diminuição de 4,2% (menos 9.205).

A maior parte dos beneficiários reside no distrito do Porto (59.116), seguido do distrito de Lisboa (38.132), dos Açores (17.925) e do distrito de Setúbal (17.849).

Segundo a Segurança Social, o número de famílias com direito ao RSI também desceu em junho face ao mês de maio, com menos 324 famílias a receberem este apoio, num total de 92.790.

Os dados indicam que no final de maio 93.114 famílias receberam esta prestação social, número que desceu 0,3%.

Comparando com junho de 2014, a quebra é ligeiramente maior: há um ano eram mais 941 famílias a receberem este apoio. Ou seja, num ano, houve uma queda de 1%.

As famílias estão maioritariamente concentradas nos distritos do Porto (26.389), Lisboa (17.046) e Setúbal (8.088) e nos Açores (6.059).

O valor médio recebido por cada beneficiário em junho fixou-se nos 93,60 euros e por família em 215,16 euros.

Lusa

  • "Estamos a investir na nossa própria desgraça"
    0:37
  • Saída dos EUA do acordo de Paris é "uma vergonha"

    Mundo

    O ex-secretário de Estado norte-americano John Kerry considerou esta terça-feira "uma vergonha" a decisão do Presidente Donald Trump de retirar os Estados Unidos do acordo do clima de Paris, garantindo que o povo não acompanha esse gesto de "autodestruição".

  • "Meninas proibidas de usar saias curtas e roupa transparente" para evitar abusos em Timor
    0:50
  • "De repente ele estava em cima de mim a beijar-me e a apalpar-me"
    2:43