sicnot

Perfil

Economia

Yanis Varoufakis diz que Espanha corre risco de acabar como a Grécia

O ex-ministro das Finanças grego Yanis Varoufakis disse que Espanha corre o risco de "se transformar numa Grécia" e que isso "acontecerá se se continuarem a repetir os mesmos erros que foram impostos" ao seu país.

Geert Vanden Wijngaert

Em entrevista publicada na edição de hoje do diário espanhol El País, Varoufakis considera que o terceiro resgate à Grécia "está desenhado para fracassar" e que o ministro das Finanças alemão, Wolfgang Schäuble, "nunca esteve interessado em chegar a um acordo que possa funcionar", senão em "redesenhar a zona euro", e acrescenta que parte desse plano é "a saída da Grécia" da mesma.

Na sua opinião, "o 'Grexit' vai ser usado para criar o medo necessário em Madrid, Roma e Paris" e "o plano de Schäuble é impor a 'troika' em todo o lado". "Em Madrid e em Roma, mas especialmente em Paris".

Para o antigo ministro helénico, "o que aconteceu na Grécia é um golpe de Estado: a asfixia de um país através de restrições de liquidez". O resultado, acrescentou, "é o mesmo que ter derrotado um governo ou tê-lo forçado a derrotar-se a si próprio".

"Os espanhóis têm de olhar para a sua situação económica e social e ver o que o seu país necessita, independentemente do que se passa na Grécia ou onde quer que seja. O perigo de se tornar numa Grécia mantém-se e será uma realidade se se repetirem os mesmos erros que lhe foram impostos", adiantou.

Lusa

  • Atacantes usaram "tática defendida pelos extremistas do Daesh"
    1:43

    Ataque em Barcelona

    O ex-presidente do Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo esteve em direto, para a SIC Notícias, onde falou sobre o ataque desta quinta-feira nas Ramblas, em Barcelona. José Manuel Anes falou na tática defendida na revista dos extremistas do Daesh e que foi usada neste ataque: a utilização de viaturas "de preferência as mais pesadas para matar o maior número de pessoas".