sicnot

Perfil

Economia

Taxas Euribor caem a três, seis e nove meses, mas sobem a um ano

As taxas Euribor caíram hoje a três, seis e nove meses, mas subiram a 12 meses em relação a terça-feira.

© Hugo Correia / Reuters

A taxa Euribor a seis meses, a mais utilizada em Portugal nos créditos à habitação, foi hoje fixada em 0,042%, menos 0,001 pontos percentuais face ao dia anterior.

Já a Euribor a três meses, em terreno negativo desde 21 de abril passado, caiu também hoje para -0,029%, sendo que o mínimo histórico atingido foi fixado pela primeira vez a 05 de agosto em -0,024%.

A nove meses, a Euribor caiu igualmente, ao fixar-se em 0,091%, fixando-se no mínimo histórico.

No entanto, a taxa Euribor no prazo dos doze meses subiu hoje para 0,160%, contra 0,159% a que se fixou na terça-feira.

As Euribor são fixadas pela média das taxas às quais um conjunto de 57 bancos da zona euro está disposto a emprestar dinheiro entre si no mercado interbancário.

Lusa

  • Hospitais vão ser penalizados se não cumprirem tempos de espera
    2:37

    País

    O Ministério da Saúde vai penalizar os hospitais que não cumprem os tempos de espera nas urgências e que tenham taxas elevadas de cesarianas. O novo modelo de financiamento prevê ainda linhas de financiamento próprio para a obesidade e rastreios do cancro do cólon e do colo do útero.

  • Assédio, até onde vai a tolerância?
    35:26