sicnot

Perfil

Economia

Bolsa de Lisboa segue em alta de 1% após segunda-feira negra nas praças mundiais

Banif, Pharol, EDP e Galp lideravam as ações da bolsa de Lisboa, que estava hoje com o índice PSI20 a ganhar 1% para os 5.31,02 pontos, corrigindo das fortes perdas de segunda-feira em que foi arrastada pela praça chinesa.

reuters

Cerca das 08:30, das 18 cotadas, 14 subiam, três caíam e uma mantinha-se inalterada, a Teixeira Duarte, nos 0,478 euros, com o índice PSI20 a seguir em linha com o comportamento das principais praças europeias que negociavam também com ganhos.

No dia seguinte ao pânico que se instalou na bolsa de Xangai, de Hong e do Médio Oriente, justificado pelo sobretudo pelo abrandamento da economia chinesa, pela desvalorização do yuan e pela queda das matérias-primas, em particular do petróleo, a praça portuguesa está a corrigir em alta, segundo analistas citados pela agência de informação financeira Bloomberg, seguindo a evolução do resto da Europa.

As ações da do Banif subiam 3,85% para 0,0054 euros, a Pharol (antiga PT SGPS) recuperava 2,08% para 0,245 euros, a EDP valorizava 1,85% para 3,03 euros e a Galp ganhava 1,52% para 8,742 euros.

Já o restante setor financeiro apresentava hoje um comportamento positivo com o BCP a subir 0,89% para 0,0568 euros e o BPI a recuperar 0,11% para 0,896 euros.

Os CTT e a retalhista Jerónimo Martins subiam, respetivamente, 1,1% e 1,02%, para 8,979 euros e 11,845 euros, pela mesma ordem.

A contrariar os ganhos destaca-se a Impresa, que caía 1,43% para 0,69 euros, e a Mota-Engil, que avançava 0,66% para 1,954 unidades.

Lusa

  • Encontrados destroços do avião que caiu no Irão

    Mundo

    As autoridades iranianas encontraram destroços do avião que caiu no domingo no sudeste do país, matando as 66 pessoas que seguiam a bordo, revelou um porta-voz da Guarda Revolucionária, o exército de elite do regime.

  • 2,6 milhões de bebés morrem antes de completar um mês

    Mundo

    Os recém-nascidos no Paquistão, República Centro-Africana e Afeganistão são os que têm menor probabilidade de sobreviver, de acordo com um relatório da Unicef que revela que todos os anos 2,6 milhões de crianças morrem antes de completar um mês. Sobretudo nos países mais pobres do mundo, o número de mortes de recém-nascidos a nível global mantém-se assustadoramente elevado.

  • Galp regista lucro de 602 M€ em 2017 

    Economia

    A Galp registou um lucro de 602 milhões de euros no ano passado. Uma subida de 25 por cento em relação a 2016. De acordo com a empresa, os resultados devem-se sobretudo ao aumento da produção de petróleo e gás natural no Brasil, bem como o crescimento dos negócios da refinação e distribuição.

  • Mulher enterrada viva no Brasil
    1:13

    Mundo

    Uma mulher de 37 anos terá sido enterrada viva no oeste da Bahia, no Brasil. A certidão de óbito aponta um choque séptico como a causa da morte, mas os ferimentos com que foi encontrada no interior do caixão indicam um possível erro. Os moradores de casas vizinhas do cemitério municipal onde Rosângela dos Santos foi enterrada ouviram gritos vindos do túmulo.

  • "Os Estados Unidos são uma sociedade de pistoleiros"
    3:47
  • Trump desafia Oprah a candidatar-se para ser derrotada

    Mundo

    Apesar de Oprah Winfrey ter excluído uma eventual candidatura às eleições presidenciais dos Estados Unidos da América, Donald Trump ainda não se esqueceu dos rumores e desafiou a apresentadora a candidatar-se em 2020. Através do Twitter, o Presidente norte-americano disse ainda que assim poderia ser "exposta e derrotada como todos os outros".

    SIC