sicnot

Perfil

Economia

Lucro do grupo Fosun quase duplica no primeiro semestre de 2015

O consórcio chinês Fosun, proprietário em Portugal da companhia de seguros Fidelidade, anunciou hoje um aumento de 97% dos lucros no primeiro semestre, face a 2014, impulsionado por um crescimento recorde do segmento das seguradoras.

© Tyrone Siu / Reuters

A empresa com sede em Xangai lucrou 3.617 milhões de yuan (506,9 milhões de euros) nos primeiros seis meses deste ano.

Assumida como "estratégica para o crescimento" do grupo, a área dos seguros lucrou 1.789 milhões de yuan (249,9 milhões de euros), um aumento de 89 milhões de euros, face a 2014, assinala o relatório semestral da empresa.

O documento revela que a compra da Luz Saúde (antiga Espírito Santo Saúde) por 460 milhões de euros, permitiu à Fosun "expandir a sua presença no setor da saúde".

O grupo, que é também um dos candidatos à compra do Novo Banco, nos últimos anos adquiriu participações em companhias de seguros na China continental, Estados Unidos e Hong Kong, e investiu igualmente nos setores da saúde, imobiliário, turismo e indústria farmacêutica.

No final do primeiro semestre deste ano, os seus ativos no domínio dos seguros excediam 143.199 milhões de yuan (19.992 milhões de euros), representando quase metade (44,8%) do total do grupo, aponta o relatório.

A maior parte dos ativos da Fosun está denominada em euros (45,2%) e dólares norte-americanos (34.8%), enquanto a moeda chinesa, o yuan, representa apenas 10% do total.

"A diversificação dos investimentos em diferentes moedas permitiu ganhar resistência ao impacto da volatilidade do mercado de câmbios", lê-se no documento.

Em 2014, as ações da Fosun na bolsa de Hong Kong valorizaram-se 41%, mas, desde junho, já perderam um terço do valor, face ao pico atingido em maio, acompanhando as acentuadas quedas nas praças financeiras chinesas.

Este ano, o grupo acrescentou à sua carteira o Cirque du Soleil e concluiu a compra do emblemático Club Méditerranée, confirmando a aposta no setor lazer e estilo de vida, que corresponde já a 17% do total de ativos.

Fundado em Xangai, no início da década de 1990, a Fosun é considerada um dos consórcios privados chineses mais ativos além-fronteiras.

O seu presidente, Guo Guangchang - conhecido como "o Warren Buffet da China" - é licenciado em Filosofia e mestre em Gestão, e conta com uma fortuna estimada pela Forbes em 9.300 milhões de dólares.

Lusa

  • Marcelo lembra as consequências da demissão de Vítor Gaspar
    1:06

    Caso CGD

    O Presidente da República reitera que o assunto Caixa Geral de Depósitos está fechado. Em entrevista à TVI, Marcelo Rebelo de Sousa lembrou esta segunda-feira as consequências que a demissão de Vítor Gaspar, ministro das Finanças em 2013, provocou no sistema financeiro para justificar o facto de ter intervindo na polémica com as SMS trocadas entre Mário Centeno e António Domingues.

  • PSD e CDS admitem chamar António Costa à nova Comissão de Inquérito à CGD
    2:37

    Caso CGD

    PSD e CDS admitem chamar o primeiro-ministro à nova Comissão de Inquérito à CGD. Apesar de ser uma hipótese, a SIC sabe que os dois partidos ainda estão a definir o objeto do inquérito e, por isso, afirmam que é prematuro falar sobre eventuais audições. Seja como for, António Costa voltou esta segunda-feira a dizer que o assunto está encerrado.

  • Acha que conhece o seu país?
    27:42
  • Avioneta despenha-se em centro comercial de Melbourne

    Mundo

    Uma avioneta com cinco pessoas a bordo caiu num centro comercial perto do aeroporto de Essendon em Melbourne, capital da Austrália. Segundo a polícia do estado de Vitória tratava-se de um voo charter com destino a King Island, situada entre a parte continental da Austrália e a ilha da Tasmânia.

  • Pelo menos 18 detidos em protestos no Rio de Janeiro

    Mundo

    Pelo menos 18 pessoas foram esta segunda-feira detidas no Rio de Janeiro, Brasil, depois de confrontos com a polícia durante um protesto contra a privatização da empresa pública de saneamento, que serve o terceiro estado mais povoado do país.

  • O momento em que Kim Jong-nam terá sido envenenado
    1:21

    Mundo

    A investigação ao homicídio do meio-irmão do líder da Coreia do Norte no aeroporto da capital da Malásia está a provocar uma crise diplomática entre os dois países. Esta segunda-feira, um canal de televisão japonês divulgou imagens das câmaras de vigilância do aeroporto que alegadamente captam o momento em que Kim Jong-nam terá sido envenenado.

  • O atentado na Suécia inventado por Donald Trump
    2:12
  • Os ensaios para a maior festa do ano
    1:16

    Mundo

    Em contagem decrescente para o Carnaval, no Rio de Janeiro, já começaram os ensaios para a maior festa do ano. A noite de testes na avenida Marquês de Sapucaí conta com desfiles gratuitos.