sicnot

Perfil

Economia

Varoufakis aconselha PS a não se comprometer com regras da Zona Euro

O ex-ministro das Finanças grego, Yanis Varoufakis, aconselhou, este sábado, o PS a não se comprometer com as regras da UE, por ser "impossível" não violar as mesmas.

O ex-ministro das Finanças grego falava depois de ter proferido uma conferência intitulada "Democratização da zona euro", que decorreu no auditório da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra.

O ex-ministro das Finanças grego falava depois de ter proferido uma conferência intitulada "Democratização da zona euro", que decorreu no auditório da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra.

PAULO NOVAIS / Lusa

O PS não se deve "comprometer com regras que sejam fundamentalmente irracionais", devendo advogar, pelo contrário, por regras racionais e democráticas dentro da zona euro, sublinhou Yanis Varoufakis, que falava numa conferência de imprensa, posterior ao seu discurso na aula inaugural dos programas de doutoramento do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra.

"Há um debate dentro do PS sobre se deve haver uma aliança com partidos de esquerda. Alguns deputados estão prontos para que isso aconteça, mas desde que haja um acordo de que o Governo jogue pelas regras da zona euro e do Eurogrupo e manter-se fiel aos compromissos que Portugal tem na União Europeia. Esse é o problema. Os compromissos não se podem cumprir", sublinhou o ex-ministro das Finanças grego.

Segundo o economista, as regras europeias não estão a resultar, porque nem Portugal, nem a Grécia, nem a Alemanha "conseguem respeitar as regras. Se a zona euro quer ficar segura, temos de violar estas regras por acordo e criar novas regras nacionais".

O ex-ministro das Finanças grego falava depois de ter proferido uma conferência intitulada "Democratização da zona euro", que decorreu no auditório da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra.

O auditório foi demasiado pequeno (472 lugares sentados) para o público que se dirigiu à Faculdade de Direito para ouvir Varoufakis falar, com largas dezenas de pessoas de pé a assistir à conferência.

Varoufakis foi ministro das Finanças do primeiro governo liderado por Alexis Tsipras e dirigiu as negociações com os credores até ao referendo de 05 de julho sobre a proposta de acordo apresentada pelas instituições (UE e FMI).

Lusa

  • Costa rejeita estar a negociar governo contra o euro
    2:56

    País

    António Costa encontrou-se esta quinta-feira com vários dirigentes socialistas europeus para garantir que não está a negociar nenhum governo contra as regras da União Europeia. Costa pediu que não se agitem fantasmas e ouviu o presidente socialista do Parlamento Europeu dizer que não tem nada contra as negociações que o PS está a fazer à Esquerda.

  • Passos acusa Governo de "sacudir água do capote"

    País

    O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou este sábado o Governo de "sacudir a água do capote" para não assumir a responsabilidade pelo que está a ser decidido, usando uma política de comunicação que considerou ser um "embuste".

  • Quase 200 polícias solidários com agentes acusados
    2:29

    País

    Perto de 200 polícias manifestaram-se este sábado na sede da PSP em Alfragide, em solidariedade com os 18 agentes acusados no processo Cova da Moura. O Sindicato Nacional de Polícia associou-se ao protesto e diz existir um aproveitamento político do caso.

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.